Menu
Busca sábado, 23 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
TRANSPORTE PÚBLICO

Transbordo bane "catraca" e causa confusão a usuários

17 junho 2015 - 12h30

Desde o dia 15 de junho a Medianeira Transportes, empresa que explora o transporte público em Dourados, baniu as catracas do Terminal de Transbordo do município. Assim, passageiros que usam os ônibus tem acesso direto ao local, porém, a forma de pagamento das passagens tem causado confusão entre os usuários.

Antes, as pessoas que não possuíam o cartão, desembolsavam a quantia na entrada do terminal, agora, o valor da passagem é pago diretamente ao motorista do ônibus, ou as pessoas que possuem cartão como, por exemplo, os estudantes, entram direto pela porta da frente.

O novo método está confundindo os usuários como a estudante de nutrição, Izabela Vasconcelos, 21. Ela conta que ficou confusa com o novo sistema de integração e que já teve que pagar a passagem duas vezes.

“É um pouco confuso, mas está bom. Quando voltar as aulas na UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), vamos ter problemas. O fluxo já era intenso antes, e para entrar pela porta traseira já demorava 20 minutos, imagina agora que tem que entrar pela porta da frente. Paguei duas vezes já porque não sabia como utilizar”, disse a estudante.

Com a retirada da roleta, veio o sistema de integração, ou seja, a pessoa que entra em um ônibus e tem o cartão pode descer no terminal ou em outro ponto da cidade, e tem o intervalo de 40 minutos para entrar em outro ônibus com o mesmo sentido. Antes só poderia fazer a ‘integração’ as pessoas que desciam no terminal, se fosse em outro ponto da cidade, teria que pagar novamente.

Assim como a estudante, uma professora de 51 anos, que preferiu não se identificar, disse que antes o sistema era melhor, pois poderia ficar mais tempo no terminal e no caso de atraso de alguns ônibus, ou da própria pessoa não teria problemas em aguardar mais tempo.

“Antes era melhor, com a integração tem que cuidar os horários se não tem que pagar novamente, você tem que calcular seu tempo”, disse a professora.

De acordo com a empresa responsável pelo transporte a Medianeira Dourados, o método adotado visa melhorar e facilitar para os usuários com mais agilidade ao passar pela roleta.

“O sistema é para facilitar, não ouve reclamações por parte dos usuários. Claro que tudo quando muda causa um impacto, mas comunicamos os usuários por meio de notificações nos ônibus e no terminal. É questão de tempo logo eles se acostumam. A medida veio para auxiliar na agilidade ao passar pela catraca do ônibus e também diminuir o fluxo de dinheiro nos mesmo. E para facilitar para os usuários, em que não correr risco de serem assaltados” disse a funcionária que não quis se identificar.

Porém, a estudante de nutrição não acredita que esse processo vá melhorar a integração. “O intervalo de integração vai causar problemas, é muito pouco o tempo, sem contar que só funciona em caso de linhas em sentidos opostos, tem que cuidar isso se não tem que pagar uma nova passagem", disse.



Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Apenas de meia-calça, Juliana Paes celebra presença no carnaval: "melhor notícia"
FUTEBOL
Fifa tira Mundial Sub-17 do Peru, e Brasil vai sediar a competição
BELA VISTA
Policial perde controle da direção, viatura cai de ponte e pega fogo
COMBUSTÍVEIS
Preço da gasolina nas bombas cai pela 18ª semana seguida, diz ANP
MEIO AMBIENTE
PMA captura tamanduá-bandeira em quintal de residência em Coxim
EDUCAÇÃO
UFGD divulga os aprovados na 5ª chamada do Vestibular 2019
COXIM
Policial civil invade emissora de rádio e agride entrevistado
FISCO
Programa para receber declaração do IR estará disponível 2ª-feira
DOURADOS
Sindicalistas cobram salários para ex-empregados da Fertilizantes Heringer
CAPITAL
Fumaça provoca engavetamento com 7 veículos na rodovia BR-262

Mais Lidas

DOURADOS
Trio é preso após tentar repetir furto em loja do shopping
SIDROLÂNDIA
Colisão entre motos termina com jovem morto
DOURADOS
Desconhecido pede água, invade residência e ameaça mulher de morte para furtar celular
CAMPO GRANDE
Interno é encontrado morto dentro de cela de presídio