Menu
Busca terça, 21 de maio de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Torcedores urinam em comércios e deixam avenida emporcalhada após jogos

22 abril 2019 - 08h35Por Vinicios Araújo

O domingo foi um dia de fortes emoções para os amantes do futebol. Corinthians conquistando a taça do Campeonato Paulista no Itaquerão sobre o São Paulo, enquanto no Maracanã, no Rio, o Flamengo encarou o Vasco da Gama e saiu vitorioso com a taça do ‘Cariocão’. 

Mas, apesar da alegria, o pós-festa dos torcedores douradenses marcou o início da semana e deixou muito comerciante decepcionado. O fato é que na avenida Weimar Torres, entre a avenida Presidente Vargas e a rua João Rosa Góes, o lixo tomou conta dos canteiros e calçadas e teve até estabelecimentos com rastros de urina.

Garrafas, latas, copos, pacotes plásticos, bitucas, sacolas, tudo em grande volume e que deveria ter sido recolhido pelos próprios consumidores. O Dourados News foi ao local e conversou com populares.

Segundo o comerciante João Dias, ficou evidente que para essas pessoas, respeito é a última coisa que importa. “Urinaram tudo aqui na minha porta. Cheguei cedo e essa bagunça aqui. Eu e a minha mulher tivemos que limpar a sujeira e o xixi dos outros. É um absurdo”, reclamou.

Ele costuma chegar às 7h para abrir o camelô. Hoje, o início do trabalho atrasou e o casal teve de pegar rodo, vassoura e mangueira para tentar amenizar os impactos da falta de educação de alguns torcedores. “As autoridades deveriam intervir nisso aqui. Todo jogo é isso. Estou aqui há 30 anos e toda vez é isso. Pura falta de educação”, finalizou.

O vizinho dele, que optou por não se identificar, pensa que as autoridades não devem ser responsabilizadas pela falta de conscientização das pessoas. Para ele, cada um deveria ter feito a sua parte. “Se fosse assim hoje estaria diferente. Ninguém teria que limpar a sujeira de ninguém. Falta de respeito a gente resolve é com consciência individual”, disse.

Recentemente o Dourados News noticiou um fato semelhante na Praça Antônio João, quando foliões deixaram o local público completamente sujo após festanças de carnaval. Na época encontramos a agente de limpeza Rosângela Lemes dos Santos, que estava encarregada de organizar toda bagunça deixada na praça. 

Hoje pela manhã a encontramos novamente. Com um sorriso disfarçado ela já acenou para nossa equipe e disse “mais uma né”. A trabalhadora, que atua com limpeza de rua há mais de 5 anos, disse que tornou-se costume encarar esse tipo de realidade. 

“O povo não aprende. Aqui falta consciência, respeito, cuidado com a cidade. Falta tudo”, disse. Ao final, na despedida, Rosângela não perdeu a oportunidade de manifestar a sua esperança com o ser humano. “Tomara que eles aprendam”, ressaltou.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PREVENÇÃO
Empresas esclarecem riscos e medidas preventivas relacionados às barragens de mineração em Corumbá e Ladário
CULTURA
Festival de Inverno de Bonito 2019 terá shows com Gal Costa, Lenine e Chrystian e Ralf
ECONOMIA
Brasil e China chegam a acordo sobre contencioso do açúcar
DOURADOS
Bancários recolhem assinatura contra a Reforma da Previdência em frente a agências nesta quarta
GOVERNO DO ESTADO
Chamamento Público com R$ 2,3 milhões divulga propostas aprovadas
TRÁFICO
Polícia apreende mais de 100kg de drogas em veículo no Sul do Estado
DOURADOS
Presos fazem motim na PED em ala ocupada por membros de facção criminosa
LEGISLATIVO
Assembleia aprova lei que proíbe homenagem a torturadores em MS
COMER BEM
Como fazer a salada de frutas perfeita: 11 dicas para arrasar na receita
ENCONTRO
Semana Espírita de Dourados começa hoje com palestra no Municipal

Mais Lidas

ITAPORÃ
PM da reserva morre em acidente próximo a ponte do Rio Santa Maria
DOURADOS
Comissão vota contra o próprio parecer e Idenor se salva de cassação
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação