Menu
Busca sábado, 21 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Sindicato prepara notificação sobre greve de servidores por atraso de salários

09 setembro 2019 - 10h25Por André Bento

A Prefeitura de Dourados deve ser notificada ainda na manhã desta segunda-feira (9) sobre a possível deflagração de greve em 72 horas caso persista o atraso nos salários de servidores públicos municipais. Essa informação foi confirmada ao Dourados News pelo advogado Apolinário Benitez Alfonso, que prepara o documento.

Funcionário do Sinsemd (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Dourados), ele detalhou que a prefeita Délia Razuk (sem partido) será cobrada a efetuar os pagamentos pendentes e alertada sobre paralisação já aprovada pelo funcionalismo durante assembleia extraordinária realizada dia 12 de agosto.

“Essa notificação será levada agora cedo lembrando a prefeita que existe dispositivo legal estabelecendo que o servidor preferencialmente tem que receber no 5º dia útil do mês subsequente ao trabalho, pedindo para que ela pague o restante que está faltando porque na assembleia feita pelos servidores naquele dia deliberaram que não havendo o pagamento integral após 72 horas da notificação haveria essa paralisação”, detalhou Alfonso.

Segundo o advogado do Sinsemd, caso a folha salarial não seja integralmente paga até quinta-feira (12), essa paralisação deve começar com nova assembleia para os servidores definirem detalhes. “O que a assembleia definiu é que haverá paralisação, o modo e como vai detalhar em outra assembleia”, explicou.

Neste mês, a prefeitura escalonou os pagamentos e disse que apenas trabalhadores com salários líquidos de até R$ 4,1 mil, 75,42% do quadro, receberiam no quinto dia útil, enquanto os demais, um quarto do total, só devem receber nesta semana.

Ainda na manhã de sexta-feira (9), um grupo de servidores recorreu à presidente do Sinsemd, Rosa Helena Catelan, que garantiu o envio da notificação à prefeita caso os proventos não fossem creditados até 23h59 daquele mesmo dia.

A possibilidade de greve foi aprovada durante assembleia extraordinária realizada no dia 12 de agosto pelo sindicato, ocasião em que o funcionalismo público municipal queixava-se do parcelamento da folha salarial, quando somente 44% dos vencimentos foram pagos no quinto dia útil do mês e os 56% restantes na semana seguinte, quando a paralisação era iminente.

Na manhã de sábado (7), durante o desfile cívico-militar da Independência, a secretária municipal de Saúde, Berenice de Oliveira Machado Souza, informou ao Dourados News que 100% da folha de pagamentos da Funsaud (Fundação dos Serviços de Saúde de Dourados) já havia sido quitada pela administração pública do município.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEIO AMBIENTE
Traficante de aves foge da polícia ao ser flagrado tentando furtar filhotes de papagaio
MÚSICA
Batalha de Bandas acontece neste sábado na Capital
ITAPORÃ
Durante ação voltada ao meio-ambiente, maconha é encontrada às margens de rodovia
BRASIL
Governo libera quase R$ 800 milhões em emendas parlamentares
GP DE SINGAPURA
Leclerc desbanca Hamilton e Vettel na última volta para conquistar a pole
MUDANÇA
Entenda as novas regras para conduzir as motos 'cinquentinhas'
TRAGÉDIA
Menina de 8 anos morre vítima de bala perdida no RJ
LOTERIA
Mega pode pagar prêmio de R$ 38 milhões hoje
AQUIDAUANA
Caçador é preso com cateto abatido e pescado fora da medida
FLAGRANTE
Dupla é presa com espingardas e munições dentro de veículo

Mais Lidas

SETEMBRO AMARELO
Sem perceber sinais, Silvânia perdeu a filha e hoje reconhece a necessidade da escuta
BARBÁRIE
Após matar criança afogada, pai ligou para ex e inventou sequestro
POLÍCIA
Jovem é executado por pistoleiros em Ponta Porã
DOURADOS
Bêbado é preso após bater carro e derrubar muro