Menu
Busca Terça, 23 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
Bigolin

Saúde e economia são principais dificuldades no combate ao tráfico

26 Junho 2012 - 18h10

No Dia Internacional de Combate às Drogas (26/6), a presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/MS (CDH), Kelly Cristiny de Lima Garcia, afirma que as campanhas do Poder Público de repressão ao tráfico de entorpecente devem ser acompanhadas de discussão sobre desigualdade social e Saúde Pública para serem eficazes. “Não podemos ser radicais e apenas prender, temos que debater políticas para diminuição da pobreza”, comentou a presidente da comissão.

Atualmente, em Mato Grosso do Sul, mais de 50% da população carcerária masculina tem envolvimento no tráfico de drogas. No sexo feminino, esse número é ainda maior e atinge os 90%. “São principalmente as mulas, jovens e mulheres que não têm perspectiva de vida e lotam as penitenciárias. Eles acabam vendo no tráfico uma alternativa de renda”, afirma Kelly Cristiny.

Para a presidente da CDH, as formas de combate às drogas deveriam ser feita em três vertentes: criminal, com a repressão ao tráfico e prisão; Saúde Pública, aos usuários, que se não forem tratados retornam ao vício; e econômica, com a melhoria das condições financeiras de famílias de baixa renda.

“Usuário não é traficante e não pode ser tratado da mesma maneira. Eles precisam de tratamento médico, pois são destruídos pela droga. Mas a maior dificuldade nessa luta contra o tráfico é que o entorpecente é muito lucrativo e financia setores de nossa sociedade, como a política. Com isso, mesmo com a polícia aparelhada não conseguimos desarticular os grandes traficantes”, relata Kelly Cristiny.

Deixe seu Comentário

Leia Também

E QUE BOA SEMANA
Cláudia Ohana posa em foto sensual e exibe corpão
EDUCAÇÃO
UEMS oferece 2.338 vagas em 57 cursos pelo Sisu 2018
FEZ-SE PRECISO
PF diz que uso de algemas em Cabral foi necessário para garantir “segurança”
NO CELULAR
Mais de 196 mil condutores no Estado já podem baixar CNH digital
OPINIÃO
O fim das estatais
MEIO AMBIENTE
Fazendeiro é autuado pela PMA por desmatamento de área ilegal
ECONOMIA
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
PROJETO
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
ECONOMIA
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
CAPITAL
Vândalos saqueiam e depredam posto de saúde

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem é preso no Canaã II por posse de munições de uso restrito
BILIONÁRIOS
Cinco brasileiros concentram mesma riqueza que a metade pobre do país
CAPITAL
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
RIO BRILHANTE
Após ultrapassagem proibida, polícia aprende carro com maconha