Menu
Busca domingo, 19 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
DOURADOS

Reunião na Câmara discutirá meio de reverter corte em obra do aeroporto

18 julho 2019 - 12h20Por André Bento

Uma reunião entre membros das classes empresarial e política foi agendada para a manhã de sexta-feira (19) na Câmara de Dourados. O objetivo do encontrou, com início agendado para 10h, é discutir meios de reverter o corte orçamentário nas obras do Aeroporto Regional Francisco de Matos Pereira. Na semana passada, a União realocou R$ 30 milhões que seriam destinados ao município para outras frentes de investimentos pelo país.

Ontem (17), o Dourados News noticiou que políticos e membro da diretoria da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados) manifestaram publicamente o apelo por socorro da bancada federal de Mato Grosso do Sul na Câmara dos Deputados e no Senado.

Somente nesta quinta-feira (18) a Prefeitura de Dourados repercutiu a informação do corte de investimentos, ao noticiar que a prefeita Délia Razuk (sem partido) mobilizou lideranças para garantir recursos do aeroporto.

Foi divulgada reunião entre a mandatária, o assessor especial para projetos estratégicos José Elias Moreira, e os vereadores Alan Guedes (DEM), presidente da Câmara, Maurício Lemes (PSB), Romualdo Ramim (PDT) e Jânio Miguel (PL).

Ainda nessa oportunidade, a chefe do Executivo disse ter mantido contato com um dos três senadores sul-mato-grossenses para pedir ajuda. “Estamos contando com o apoio do senador Nelsinho [Trad (PSB)] e de toda a bancada de Mato Grosso do Sul em Brasília para que o projeto de reforma e ampliação do nosso aeroporto não seja prejudicado e que a verba anunciada seja mantida”, afirmou.

Ontem, na entrevista ao Dourados News, Domingos Venturini, diretor de assuntos estratégicos da Aced que acompanha as tratativas para obra do aeroporto há anos, explicou a primeira fase da obra, a ser executada pelo Exército Brasileiro para ampliação e restauração da pista de pouso e decolagem, execução de nova pista de taxiway, pátio de aeronaves e áreas de escape, não deve ser afetada.

Contudo, manifestou preocupação com o corte de R$ 30 milhões destinados à construção de um novo terminal. “Os políticos de Dourados têm que se unir independentemente de partido. Estamos mantendo agenda com o pessoal, estamos cobrando isso. Quem está empenhado nessa discussão é o general, porque vai ficar muito feito se fizer pista e pátio bons e não tiver uma estação de passageiros adequada”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Polícia paraguaia destrói plantação de maconha avaliada em US$ 990 mil
BRASIL
Após chuvas, Espírito Santo tem 229 pessoas desalojadas e 6 mortos
VIOLÊNCIA
Homem é executado com 11 tiros na Capital
POLÍCIA
Funcionária de supermercado tem celular furtado enquanto trabalhava
DEODÁPOLIS
Pecuarista é multado por degradações ambientais em áreas protegidas
PONTA PORÃ
Caminhonetes são encontradas incendiadas no lado brasileiro da Fronteira
ECONOMIA
Brasil assina acordo de cooperação agrícola com a Alemanha
DOURADOS
Concursados da PM, Bombeiros e GM se unem para cobrar convocação
FRONTEIRA
Polícia de MS alia forças ao Paraguai para captura de foragidos de presídio em Pedro Juan
DOURADOS
Casal têm celulares roubados durante caminhada no Jardim Progresso

Mais Lidas

CAPITAL
Veterinária deixa motel em surto e morre embaixo de caminhão
TRÁFICO
Polícia flagra esquema de venda de droga no cartão em Dourados
DOURADOS
Mulher é trancada no banheiro durante assalto no BNH 3º Plano
GUARDA
Traficante que queria ganhar R$ 12 mil vendendo drogas é presa em Dourados