Menu
Busca segunda, 18 de junho de 2018
(67) 9860-3221
EDUCAÇÃO

Relatório do TCE mostra qualidade da merenda e transporte escolar de alunos em Dourados

25 outubro 2017 - 13h35

 prefeita Délia Razuk recebeu, sexta-feira (20), da conselheira Marisa Serrano, relatório elaborado pela equipe de auditores do TCE (Tribunal de Contas do Estado), indicando que a atual administração apresenta avanços consideráveis em relação à qualidade da merenda escolar e do transporte oferecido aos estudantes da Reme (Rede municipal de Ensino) de Dourados.

Marisa Serrano, que também esteve reunida com membros da Comissão de Educação e lideranças do setor, na Câmara de Vereadores, recomendou a merenda, composta de nutrientes da agricultura familiar, como um dos fatores motivadores da qualidade de ensino e destacou o compromisso da Prefeitura em assegurar a presença do maior número de crianças, inclusive da área rural, nas salas de aula.

A partir de agora, a prefeita Délia está promovendo encontros com a secretária Denize Portolann e técnicos da Educação para avaliar os demais pontos apresentados. O relatório reforça, por exemplo, o que a Prefeitura já havia diagnosticado em relação à questão financeira, o que deve ser feito para a solução do problema envolvendo excedente de pessoal e desvios de função, inclusive. A prefeita já vem adotando algumas medidas neste sentido.

“Os problemas apontados nos dão a possibilidade de reparação para evitar transtornos futuros”, comentou Délia Razuk.

O próprio Tribunal de Contas, como adiantou Marisa Serrano, vai se aprofundar ainda mais na questão de pessoal da Secretaria Municipal de Educação, através de um relatório em separado, para que a prefeita tenha mais detalhes e, consequentemente, mais opções no momento de resolver o problema. Para a conselheira, essa nova forma de trabalho do TCE é importante porque mostra não a intenção de punir por qualquer erro, mas sim de apontar e dar os caminhos para que seja corrigido.

DEFICIÊNCIAS


Já em relação ao Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), por exemplo, que vem apresentando quedas sucessivas, há alguns anos, em Dourados, a prefeita disse que tem o compromisso de reverter esse quadro. São diversas falhas e vícios de gestão, também de anos, que devem ser superados, lembrando, também, que a mudança na educação passa pela revisão dos critérios de contratação de professores e a formalização do cargo de diretor de escola.

O relatório do TCE apontou, ainda, ausência de processo seletivo para contratação de professores em gestões passadas e relatou que 63,64% dos diretores ouvidos afirmaram que os alunos, na sua maioria, não estavam preparados para a prova do Ideb, e que 50% dos professores ouvidos afirmaram que os alunos da Reme também têm essa dificuldade, e, ainda, que 30% dos alunos do 5º. ao 9º. ano não conseguem resolver as quatro operações matemáticas. Por isso, a importância dessas ações que estão sendo adotadas pela atual administração.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUIZADO ESPECIAL
Justiça Itinerante realiza 113 casamento indígenas em Amambai
JUSTIÇA
Motorista que matou idosos no trânsito responderá processo preso
UEMS
Inscrições abertas para o 2° Simpósio sobre Recursos Naturais
SUMIÇO
Família busca por jovem de 22 anos desaparecido há 14 dias
CRIME AMBIENTAL
Sitiante é multado por manter macaco-prego em cativeiro
HUMANIZAÇÂO
HU de Dourados implementa Núcleo de Saúde Indígena
ANAURILÂNDIA
Traficante é preso comercializando drogas em frente à Igreja
SUSTO
Avião da seleção da Arábia Saudita pega fogo durante viagem
MIRANDA
Após colisão frontal veículos explodem e dois morrem na BR-262
ALTERA
Anvisa suspende venda de fraldas da marca Huggies Turma da Mônica

Mais Lidas

ATENTADO
Suspeitos de atentado contra prefeito de Paranhos são presos
DOURADOS
Homem morre após acidente na Guaicurus
PARANHOS
Testemunha de atentado a prefeito é executada
TRÁFICO
Douradense é preso após abandonar veículo carregado com maconha na BR-463