Menu
Busca quarta, 13 de novembro de 2019
(67) 9860-3221
AGRONEGÓCIO

Região norte de MS já colheu 100% da área cultivada com milho segunda safra

29 agosto 2019 - 09h40Por André Bento

A região norte do Estado já colheu 100% da área cultivada com milho segunda safra. Essa informação foi apurada por técnicos do Siga MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) até dia 23 passado e consta no mais recente Boletim Casa Rural, divulgado na quarta-feira (28) pela Aprosoja-MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul).

Nessa mesma publicação, é detalhado que a área central sul-mato-grossense tem média de 98,4% da colheita concluída e a sul 97,8%. “A área colhida até o momento, conforme estimativa do Projeto SIGA, é de aproximadamente 2,134 milhões de hectares”, detalha.

Com 2,173 milhões de hectares cultivados e produtividade média de 88 sacas por hectare, Mato Grosso do Sul deve ter produção recorde de milho segunda safra, conforme a Aprosoja. A estimativa é de 11,475 milhões de toneladas.

O levantamento cita ainda previsão elaborada a partir do modelo Agritempo (Sistema de Monitoramento Agro Meteorológico), para afirmar “que entre os dias 29 e 31/08, não há possibilidade chuva para todo o estado, entretanto no dia 01/09 há probabilidade de chuva para as regiões sudoeste e sul”.

Além disso, o Siga-MS aponta que Mato Grosso do Sul comercializou até 26 de agosto 49,00% do milho segunda safra.

Segundo o levantamento, na região norte os municípios de Alcinópolis, Camapuã, Chapadão do Sul, Costa Rica, Coxim, Paraíso das Águas, Pedro Gomes, Rio Verde de Mato Grosso, São Gabriel do Oeste e Sonora têm média de 100% de área colhida.

Na região centro do Estado, Bandeirantes, Campo Grande, Jaraguari, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante, Sidrolândia, e Terenos atingiram 98,4%.

Um pouco abaixo está o índice da região sul, com média de 98,2%, alcançada por Anaurilândia, Antônio João, Dourados, Guia Lopes da Laguna, Itaporã, Jardim, Jateí, Nova Andradina, Ponta Porã, e Sete Quedas.

Na mesma região esse percentual já foi superado por Aral Moreira, Batayporã, Caarapó, Coronel Sapucaia, Douradina, Eldorado, Fátima do Sul, Iguatemi, Juti, Laguna Carapã, Mundo Novo, Tacuru e Vicentina.

O menor índice da região sul corresponde a Bonito, pouco acima de 80%. Bela Vista passa de 90%, Ivinhema e Maracaju chegam a aproximadamente 95%, e Naviraí está um pouco abaixo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Homem não aparece para trabalhar e é encontrado morto em fazenda
LIMITE MAIOR
Senado Federal aprova saque do FGTS de até R$ 998; texto vai à sanção
ANTT
Agência adia decisão sobre redução de pedágio na rodovia BR-163
POLÍTICA
Comissão vota contra MP que desobriga publicar balanços em jornais
CAMAPUÃ
Polícia prende motorista com 732 quilos de maconha em rodovia
MINISTÉRIO PÚBLICO
Conselho proíbe exames ginecológicos em candidatas aprovadas
POLÍTICA
Duas chapas disputam mandato tampão em eleição suplementar de Japorã
UEMS
Abertas inscrições para processo seletivo de professor temporário
SAÚDE
Nelsinho Trad faz palestra sobre câncer de próstata e recorda prevenção
CAMPO GRANDE
Homem é preso após invadir casa, amarrar, ameaçar e roubar idoso

Mais Lidas

DOURADOS
Morto em acidente prestava serviços a indústria e teria invadido pista contrária
DOURADOS
Homem sofre acidente de trabalho e morre após ter 80% do corpo queimado
DOURADOS
Polícia prende cadeirante que comandava quadrilha formada por menores
DOURADOS
Ex-secretário de Saúde e empresário são levados à PED e defesas tentam liberdade