Menu
Busca sábado, 17 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Queremos um aeroporto à altura de Dourados, diz Tetila

23 maio 2011 - 06h40

Segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, capital do agronegócio no Estado, pólo de desenvolvimento regional e cidade universitária. Apesar de todos esses atributos, Dourados não tem um aeroporto condizente com o desenvolvimento da cidade e da região.

O aeroporto municipal Francisco de Matos Pereira, inaugurado em 13 de novembro de 1982, atende toda a região da Grande Dourados, cerca de 38 municípios, mas não tem sequer um vôo direto para a capital paulista, antiga reivindicação de empresários, universitários e da população em geral. “Os vôos ainda não acontecem justamente porque o nosso aeroporto continua com restrições técnicas para operações. Isso limita, inclusive, novos investimentos empresariais, bem como o desenvolvimento técnico, científico e cultural de Dourados e região”, destaca o deputado Laerte Tetila.

Para tentar resolver esse problema, Tetila encaminhou um pedido de reformas e adequações técnicas ao senador Delcídio do Amaral, Presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal, Vice-Presidente da Frente Parlamentar de Infraestrutura e Relator Setorial de Infraestrutura do Orçamento da União. A intenção é que o senador interceda para que o Ministério da Aeronáutica libere recursos para as melhorias no aeroporto.Entre as adequações estão a ampliação da pista, sala-rádio para controle do tráfego aéreo, guarda volumes, instalação de lanchonete, funcionários e esteira para captação de bagagens. Essas adequações são necessárias para que o aeroporto municipal de Dourados possa operar com novos controles, mais modernos e eficientes.

Para o deputado Tetila, as reformas e as adequações técnicas no Aeroporto devem ser em caráter emergencial, pois, atualmente, os usuários são obrigados a fazer duas escalas e uma conexão para chegar a São Paulo, tornando a viagem longa e cansativa. São, em média, 5 horas e meia até chegar à São Paulo.

“As empresas aéreas já fizeram inúmeros pedidos à ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil – para a liberação de linha direta para São Paulo, mas, infelizmente, foram barrados por essas restrições técnicas. Esperamos, agora, com a colaboração do senador Delcídio, ter um aeroporto à altura da região da grande Dourados e, com isso, trazer mais investimentos para a cidade”, salientou o deputado Laerte Tetila.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
União já pagou este ano R$ 3,5 bi em dívidas atrasadas dos estados
TRÊS LAGOAS
Homem cai em golpe ao tentar comprar carro na internet
MATO GROSSO DO SUL
Edital para inserção de jovens no mercado de trabalho está aberto até dezembro
Processo visa a seleção de entidades que possam atuar, em parceria com a SED, no acompanhamento de estudantes, matriculados no ensino médio, para a atuação profissional.
TV
Samantha Schmütz celebra papel dramático em 'Carcereiros': 'Porta para o público me ver de uma maneira diferente'
CAPITAL
Motorista sem CNH fura sinal, foge da polícia e acaba preso dentro de casa
BRASIL
Defensoria Pública pede à Justiça manutenção de regras do Mais Médicos
FAMOSA
Susana Vieira abre o jogo sobre luta contra a leucemia: “Perguntei ao médico quando vou morrer”
CAPITAL
Mais de 20 acidentes foram registrados nesta madrugada em Campo Grande
ANIVERSÁRIO
Paranhos comemora 31 anos neste sábado
CAMPO GRANDE
Temendo novo ataque, família restringe informações sobre saúde de rapaz baleado em atentado

Mais Lidas

DOURADOS
Carro fica submerso em túnel alagado e homem precisa quebrar o vidro para sair
DOURADOS
Chuva forte deixa ruas e até rodoviária alagada
TRÁFICO
Mulher é presa em Dourados com maconha e haxixe escondidos em painel de carro blindado
DOURADOS
“Nervoso e agradecendo a Deus”, conta bombeiro que socorreu jovem no túnel no Parque das Nações