Menu
Busca Segunda, 22 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
Bigolin

Produtos natalinos variam até 1.400%, aponta Procon de Dourados

20 Dezembro 2012 - 09h59

A terceira pesquisa do Procon de Dourados sobre os produtos da ceia de Natal, feita nesta quarta-feira em dez estabelecimentos comerciais da cidade, voltou a constatar grande diferença entre o menor e o maior preço.

As maiores variações são da castanha do Pará com casca, que custa de R$ 2,99 a R$ 45,90 o quilo, uma diferença de 1.435%, e da castanha de caju, que varia 1.500% – o quilo custa de R$ 5,50 a R$ 88 nos supermercados onde a pesquisa foi feita.

Conforme o Procon, o levantamento de preços inclui panetones, carnes (aves, suína, bovina e peixe), frutas, enlatados e bebidas, num total de 68 itens. Foram encontrados 15 produtos com diferença superior a 100% do estabelecimento com menor preço para o de maior preço.

Um dos produtos mais consumidos nesta época do ano, o panetone também tem grande variação entre o mais barato e o mais caro. A caixa de 500 gramas custa de R$ 4,95 a R$ 17,99 , diferença de 263%

Conforme o Procon, que é ligado à Prefeitura de Dourados, esta é a última pesquisa de produtos natalinos deste ano. O órgão alerta o consumidor a efetuar uma cuidadosa pesquisa de preço, avaliando sempre a relação preço x qualidade, e ficar atento às informações contidas nos rótulos, como peso, data de fabricação, prazo de validade e condições de conservação.

Também deve ser sempre considerar o custo beneficio do deslocamento no caso de estabelecimentos com produtos mais baratos, mas que ficam mais distantes. Por fim, o consumidor deve sempre exigir a nota fiscal no ato da compra.

Mais informações podem ser obtidas através dos telefones 151 e 3411-7754, que também são os números para reclamação em caso de desrespeito ao direito do consumidor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPINIÃO
O fim das estatais
MEIO AMBIENTE
Fazendeiro é autuado pela PMA por desmatamento de área ilegal
ECONOMIA
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
PROJETO
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
ECONOMIA
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
CAPITAL
Vândalos saqueiam e depredam posto de saúde
AVISO
Até às 21h desta segunda-feira, alguns bairros podem ficar sem água
Comunicado é da Sanesul
DOURADOS
Prefeitura encaminha escrituração do Ginásio Municipal
COMBATE AO AEDES
CCZ notifica 17 imóveis por descumprir Lei da Dengue na região da Vila Sulmat
ECONOMIA
Estado abriu mais de seis mil empresas em 2017

Mais Lidas

DOURADOS
Homem morre após veículo bater em árvore na Hayel
PONTA PORÃ
Veículo furtado no centro de Dourados capota na BR-463
BR-463
Após perseguição, homem é preso com 700 quilos de maconha
WEIMAR
Mineiro perde veículo ao estacionar no centro de Dourados