Menu
Busca segunda, 16 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Procon: Produto da ceia de Natal varia até 572% em Dourados

10 dezembro 2012 - 12h18

O Procon de Dourados realizou na última sexta-feira uma pesquisa de preços dos produtos da ceia de Natal. O levantamento foi feito em dez estabelecimentos comerciais da cidade e constatou alta variação entre o menor e o maior preço.

Foram pesquisados panetones, carnes (aves, suína, bovina e peixe), frutas, enlatados e bebidas, totalizando 68 itens.

Conforme o Procon, nesta primeira pesquisa não foi possível fazer uma comparação completa com a pesquisa de 2011, uma vez que alguns produtos não foram colocados à venda em todos os mercados.

Foram encontrados 20 produtos com diferença superior a 100% do estabelecimento com menor preço para o de maior preço.

O quilo da uva passa clara varia de R$ 3,69 a R$ 24,80, com uma diferença de 572%. A uva passa escura custa de R$ 3,69 a R$ 19,90 (diferença de 439%).

Já o panetone tradicional de 500 gramas é vendido de R$ 4,95 a R$ 17,99, com variação de 263%. O quilo da castanha do Pará custa de R$ 7,90 a R$ 45,90 – diferença de 481%.

O Procon alerta que consumidor faça uma cuidadosa pesquisa, avaliando sempre a relação preço x qualidade, ficar atento às informações contidas nos rótulos, como peso, data de fabricação, prazo de validade e condições de conservação.

Sempre deve ser considerado o custo beneficio do deslocamento aos estabelecimentos com os produtos mais baratos. Por fim, o consumidor deve sempre exigir a nota fiscal no ato da compra. Qualquer dúvida ou reclamação pode ser feita ao Procon através dos telefones 151 e 3411-7754.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMAMBAI
Polícia prende trio acusado pela morte de "Birosca"
FUTEBOL
Brasileiro da Série D tem disputa semifinal nesta segunda
CORPAL OPEN DE TÊNIS
Dourados receberá torneio profissional de tênis
EMPRESARIADO
Feira do Empreendedor MS 2018 é lançada na Capital
EM JUNHO
Trânsito matou uma pessoa a cada 5 dias em Dourados
CAMPO GRANDE
Facção tentou contratar "Lúcifer" para matar inimigo em presídio
DINHEIRO PÚBLICO NO RALO
Abandonada pelo poder público, obra em parque vira "casa" de vândalos e cracolândia
BRASIL
Banco estatal alcança 76,8 milhões de contas poupança
MIRANDA
PMA leva conscientização ambiental durante a Feira Indígena
MS
Em sua 5ª edição, Batalha de Bandas abre inscrições para bandas autorais

Mais Lidas

ACIDENTE
Douradense morre horas depois de cair do cavalo em fazenda
RESIDENCIAL BONANZA
Homem atropela casal em Dourados após ser contrariado
DOURADOS
Homem é assassinado na porta da própria casa
DOURADOS
Homem é atropelado após “roletar” avenida com bicicleta motorizada