Menu
Busca quinta, 14 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Prefeito de Dourados anuncia revitalização de pontos de táxi

09 junho 2011 - 14h10

O prefeito Murilo Zauith apresentou na manhã desta quinta-feira o projeto de revitalização e construção de novos pontos de táxi em Dourados. O anúncio foi feito a 40 taxistas que estiveram presentes na reunião com o prefeito.



De acordo com o projeto, serão reformados o piso, bancos, parte de alvenaria, iluminação e teto. O projeto está sendo finalizado pela Secretaria de Planejamento e deverá ser colocado em prática de forma gradativa.



Segundo o presidente do Sindicato dos Taxistas, Vanderlei Pereira Barros, a notícia veio em boa hora, já que maioria dos pontos de táxis da cidade está em estado precário. Atualmente são 13 pontos fixos para atender 86 profissionais no município. Barros vai propor que o trabalho de revitalização comece pelos pontos em pior situação.



O assessor especial Gerson Schaustz informou que os novos pontos serão construídos em locais estratégicos, como proximidades do Atacadão e do Shopping Avenida Center.



INSCRIÇÃO MUNICIPAL

Durante a reunião com os taxistas, o prefeito discutiu algumas questões que precisam ser solucionadas para melhorar as condições de trabalho da categoria e oferecer mais conforto para os passageiros.



O prefeito propôs o recadastramento de todos os taxistas na prefeitura, para fornecimento da inscrição municipal. A medida vai proporcionar menos gastos para o taxista, que precisar emitir nota fiscal para o cliente.



O secretário municipal de Finanças, Walter Carneiro Júnior, explicou que o taxista que não tem inscrição municipal utiliza cadastro avulso no ato de emitir a nota e com isso é obrigado a pagar uma taxa de R$ 12,00. Tendo a inscrição municipal, ele pagará apenas a alíquota do ISS (Importo Sobre Serviço), na qual o custo é menor.



Segundo o prefeito, com a demanda crescente no Aeroporto Municipal Francisco de Matos Pereira, a emissão dessas notas poderá ser mais frequente. “Nossa expectativa é que o movimento no aeroporto cresça muito até o final do ano e por isso acho necessário que os taxistas também estejam organizados para atender essa demanda”.



Outros pontos discutidos durante a reunião foram a segurança dos taxistas e passageiros no aeroporto e a necessidade de aumentar futuramente o número de táxi no local, para garantir atendimento aos passageiros.



Atualmente são cinco taxistas que atendem no aeroporto e em algumas vezes o passageiro que desembarca no local é obrigado a esperar o táxi.



Para resolver essas questões, o prefeito solicitou que a categoria faça uma proposta. “Temos que nos organizar, pois o aeroporto é a porta de entrada de Dourados. Devemos fazer a chegada do visitante à nossa cidade a melhor possível”, destacou Murilo.



Também estiveram presentes na reunião o secretário de Serviços Urbanos Luis Roberto Martins de Araújo e o vereador Walter Hora.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IMUNIZAÇÃO
Região norte de Dourados terá vacinação antirrábica
CAMPO GRANDE
Motorista de aplicativo tem nariz quebrado após se negar a pagar programa com travesti
SUB-17
Brasil encara a França por vaga na decisão do Mundial
TRÊS LAGOAS
Corpo de homem é encontrado em caixa d'água de condomínio
OPORTUNIDADE
UEMS abre concurso com vagas para professores em Dourados e salários até R$ 8,6 mil
DEBATE
Direitos da criança estar em família foi tema de seminário em Dourados
CLIMA
Dourados teve alerta de ventos fortes na madrugada
CAMPO GRANDE
Socorro tenta reanimação por mais de 1h, mas homem morre vítima de descarga elétrica
BRASIL
Portaria que aumenta limite de compras no Paraguai é publicada
POLÍCIA
Polícia encontra moto roubada no Ouro Verde com adolescente e amigo no Parque das Nações

Mais Lidas

DOURADOS
Encontrado morto na PED dividia cela com 18 internos em ala comandada por facção
TRÂNSITO
Bêbado invade preferencial e deixa família ferida em Dourados
ENCOMENDADA
Quadrilha desarticulada tinha ordem de facção para roubar seis motos em Dourados
PURIFICAÇÃO
Preso, ex-secretário de Saúde é exonerado do cargo de coordenador do Samu