Menu
Busca domingo, 16 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221
DOURADOS

Paulista é preso e diz que ganharia R$ 100 por kg de maconha transportado

18 setembro 2017 - 08h57

Thiago Juan de Barros, 32, morador em Presidente Prudente (SP) foi preso no início da tarde de domingo (17) em Dourados acusado pelo tráfico de drogas. Ele tentava levar 37 quilos de maconha até São Paulo (SP).

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta de 12h40, no posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal), os agentes abordaram a Fiat Strada preta conduzida pelo rapaz.

Na ação, ele apresentou nervosismo, causando desconfiança dos policiais que iniciaram buscas pelo veículo.

Atrás dos autofalantes laterais, os federais encontraram 32 tabletes da droga. Questionado, Thiago afirmou ter pegado o carro em Ponta Porã e levaria até o Estado vizinho.

Pelo transporte ele receberia R$ 3,7 mil, equivalente a R$ 100 por quilo de maconha.

O rapaz foi autuado em flagrante pelo tráfico.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FORAGIDO
Polícia Federal divulga possíveis disfarces de Cesare Battisti
ESPONTANEAMENTE
João de Deus, acusado de abusos sexuais, se entrega à polícia em Goiás
TRÊS LAGOAS
Motorista perde controle e tomba carreta carregada de celulose na BR-158
IMUNIZAÇÃO
Ministério da Saúde faz alerta para vacinação em período de férias
DOF
Veículo furtado em Curitiba é recuperado a caminho do Paraguai
ESCOLA AVANI
Projeto de Extensão organiza Colônia de Férias em Dourados
OPORTUNIDADES
Concursos: 15 órgãos abrem inscrições para 409 vagas nesta segunda
TRÊS LAGOAS
Dupla invade casa e foge com objetos avaliados em R$ 60 mil
CLÁUSULA PÉTREA
Bolsonaro diz que pena de morte não será debatida em seu governo
PROCON
Pesquisa aponta que produtos de fim de ano tem variação de 276%

Mais Lidas

DOURADOS
Homem morto em confronto articulava assassinato de sargento do Corpo de Bombeiros
DOURADOS
Jovem colide veículo em poste na avenida Marcelino Pires
ABORDAGEM
Homem morre após confronto com a polícia em Dourados
DOURADOS
Homem morto a facadas havia tentado separar briga de mãe e filho por R$ 30