Menu
Busca sexta, 26 de abril de 2019
(67) 9860-3221
PREVENÇÃO

Palestra aborda depressão e risco de suicídio entre os profissionais da enfermagem

15 abril 2019 - 09h19

Com o tema ‘Panorama da atuação do enfermeiro nas interfaces dos serviços de saúde’, acadêmicos do curso de Enfermagem da Unigran participaram da décima edição da semana acadêmica. Durante cinco dias os alunos participaram de minicursos e palestras. Todos com temas voltados para empreendedorismo, saúde e manejo com os pacientes. 

“A temática das palestras foram bem atuais e os assuntos todos pertinentes ao dia a dia dos profissionais, foram escolhidos com cautela e sempre pensando no crescimento dos acadêmicos de enfermagem”, menciona a coordenadora do curso de Enfermagem da Unigran, Tatiana Vallezzi Cavichioli. 

A palestra de abertura da semana acadêmica foi ministrada pela enfermeira e psicóloga Liane Dalprá. A temática escolhida para abrir o ciclo de conhecimentos foi ‘Depressão e risco de suicídio entre os profissionais da enfermagem’.

“É importante ressaltar que a depressão e o suicídio são fenômenos complexos que trazem intenso sofrimento para a vida das pessoas acometidas, aos seus familiares, a comunidade”, pondera Dalprá.
Ainda segundo a palestrante, estas duas situações coexistem e se influenciam mutuamente, uma vez que dados estatísticos da OMS (Organização Mundial de Saúde) apontam que a depressão é responsável por 4.3% da carga global de doenças e ainda está entre as que mais incapacitam, principalmente o público feminino. Já o suicídio, ainda de acordo com a OMS, a taxa de suicídios registrados no mundo é de 11.4% para cada cem mil habitantes.

“Baseado nestes estudos, o Brasil lidera o ranking de países entre todos da América Latina em números registrados de depressão e suicídio e, para que essa realidade mude, nós precisamos de políticas públicas que ajudem a população entender que a depressão é sim uma doença que pode levar ao suicídio”, diz a palestrante. 

Profissionais da saúde de uma forma geral, entre eles os da enfermagem estão sujeitos a adoecer por conta da depressão com grandes chances de serem levados a cometer o suicídio. “São fatores teoricamente simples, que unidos, podem levar a um quadro depressivo e até consequências mais graves. O estresse no ambiente de trabalho, baixos salários, carga horária extenuante, por isso devemos tratar quem nos trata”, finaliza Dalprá. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Dada Favato, filha de Romário ostenta corpão em passaio na cachoeira
BR DISTRIBUIDORA
PGR pede condenação de Fernando Collor a 22 anos e 8 meses de prisão
CAPITAL
Com tuberculose, adolescente de 14 ans aguarda uma vaga em hospital
NOVA ANDRADINA
Bombeiro ajuda salvar vida de recém-nascido que se engasgou
DOURADOS
Capacitação de agentes de saúde vai alterar atendimento nas Unidades
RIO BRILHANTE
suspeito de matar dono de oficina com pistola .40 é preso
LEÃO
Um terço ainda não declarou IR a cinco dias do fim do prazo
BATAGUASSU
Polícia apreende 413 quilos de maconha em pátio de posto desativado
LIBERDADE
Carlos Ghosn paga R$ 17,8 milhões de fiança e é solto no Japão
CAMPO GRANDE
Homem suspeito de estuprar sobrinhas durante 3 anos é preso

Mais Lidas

DOURADOS
Vídeo mostra momento em que carona desce da moto e executa dono da lava-rápido no Jardim Pantanal
CAMPO GRANDE
Empresa demite funcionário por debochar de currículos em redes sociais
DOURADOS
Mulher é presa dentro de ônibus com 19 pacotes de skunk
DOURADOS
Auditoria da CGU revela irregularidades e superfaturamentos em contratos da Funsaud