Menu
Busca quarta, 23 de outubro de 2019
(67) 9860-3221

Na Aced, Murilo presta contas e anuncia projetos para Dourados

08 junho 2011 - 10h59

O prefeito Murilo Zauith encerrou na noite desta segunda-feira, na Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados), a prestação de contas “cem dias de transparência”, relativa aos três meses e dez dias da administração. Murilo já tinha feito apresentação semelhante na Câmara de Vereadores, no dia 1º deste mês.



Além de empresários, acompanharam o ato os secretários municipais, o deputado estadual Laerte Tetila e o presidente da Faems (Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul) Antonio Freire.



Durante uma hora, o prefeito falou das principais ações realizadas desde 23 de fevereiro, quando assumiu a prefeitura após ser eleito em pleito extemporâneo, divulgou números de atendimentos na área de saúde e apresentou projetos que estão sendo elaborados pela administração – muitos deles diretamente ligados ao setor empresarial. Murilo também abriu espaço para perguntas dos empresários e respondeu a várias questões.



O prefeito disse que escolheu a Aced para fazer a prestação de contas por reconhecimento ao apoio do setor à sua candidatura. “Foi na Aced que demos o primeiro passo rumo à prefeitura em um momento de turbulência pelo qual passava nossa cidade. Foi preciso a Justiça tomar uma decisão e a Aced abraçou nossa candidatura”, afirmou.



Francisco Eduardo Custódio, presidente da Aced, destacou a presença do prefeito e disse que estava feliz por Murilo ter escolhido a entidade para falar dos cem dias da administração.



TRANSPARÊNCIA

Além de apresentar números de atendimentos na área de saúde e da recuperação da cidade através do tapa-buraco e mutirões de limpeza, o prefeito falou do trabalho transparente que vem sendo realizado na prefeitura e destacou a relação republicana que existe agora entre o Executivo e os vereadores.



“Cada um cumpre o seu papel, mas com o mesmo objetivo, que é atender a população de Dourados. A Câmara tem feito seu trabalho com independência e será dessa forma que os vereadores vão debater com a sociedade os projetos que estamos encaminhando ao Legislativo”.

PROJETOS

Murilo Zauith apresentou aos empresários os projetos mais importantes que estão sendo preparados pela prefeitura. Um deles é sobre a ampliação do perímetro urbano. “Queremos ampliar o perímetro urbano e monitorar a ocupação, para evitar o surgimento de loteamentos sem estrutura, como ocorreu no passado”.



O prefeito também falou sobre o IPTU progressivo, que pretende implantar em Dourados para diminuir o número de terrenos sem construção existentes no perímetro urbano, inclusive na área central. “Tem muito terreno que não cumpre sua finalidade. Queremos discutir isso com a sociedade e estabelecer regras para elevar o IPTU desses imóveis e incentivar o proprietário a construir”.



Murilo informou aos empresários sobre o recadastramento da base econômica que está sendo feito pela Secretaria Municipal de Receita e Finanças e comunicou a intenção de discutir, também através da Câmara de Vereadores, a alteração da planta de valores dos imóveis – base de cálculo do IPTU – que não é reajustada desde 2005.



Outros assuntos abordados pelo prefeito na Aced foram a discussão sobre proibição ao tráfego de carretas pela cidade após a conclusão do anel viário oeste – prevista para agosto deste ano; criação da Agência de Trânsito; suspensão da outorga onerosa por dois anos para incentivar a construção de prédios com mais de 12 andares seguindo regras internacionais e discussão da Lei de Uso do Solo.



IPTU e ISS

Murilo também informou aos empresários que a administração trabalha para centralizar os serviços de IPTU e ISS em um prédio na área central. “Estamos tomando providências para melhorar a arrecadação e para diminuir a burocracia no atendimento à população”.



Segundo o prefeito, está em estudo um projeto para regularizar o Habite-se de centenas de imóveis da cidade. “Precisamos resolver o problema do Habite-se para alcançar outra meta, que é liberar os alvarás em no máximo cinco dias”.



O prefeito encerrou a explanação sobre os cem dias falando do projeto que prevê a retirada das três rotatórias da Avenida Marcelino Pires, instalação de novos semáforos e implantação da Onda Verde nessa via, para tornar mais rápido o trânsito do Monumento ao Colono ao Parque Antenor Martins.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUDICIÁRIO
STF retoma nesta quarta julgamento sobre prisão após 2ª instância
CIRURGIAS PLÁSTICAS
Juiz manda prender médico Rondon, condenado por mutilar pacientes
INFORME PUBLICITÁRIO
Loja de materiais de construção traz caminhões com pisos direto da fábrica e aquece a briga pelo cliente
TEMPO
Quarta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
CHAPADÃO DO SUL
Motociclista morre após ser atingido por carro e arremessado contra muro
ÓLEO
Senadores pedem declaração de emergência ambiental no Nordeste
AMAMBAI
Homem é suspeito de esfaquear a filha após ser denunciado por estuprá-la
PRAZO
Submissão de trabalhos para Jornada de Linguística vai até o dia 30
NOVA ALVORADA
Pastor evangélico é esfaqueado dentro de igreja após culto
EDUCAÇÃO
Enem para privados de liberdade registra mais de 40 mil inscritos

Mais Lidas

HAYEL BON FAKER
Homens são presos fazendo sexo em via pública em Dourados
DOURADOS
Três são presos após ‘batida’ em ‘boca de fumo’ no Jardim Pantanal
DOURADOS
“Se não pagar vocês não vão dormir, não vão ter paz”, ameaçou professora indígena presa por extorsão
DOURADOS
Suspeito de extorsão em área de conflito, policial é levado ao Presídio Militar da capital