Menu
Busca terça, 18 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

Murilo empossa Gabinete para coordenar a instalação de 64 câmeras do "Big Brother" de Dourados

05 dezembro 2012 - 12h47





O prefeito Murilo empossou na manhã de terça-feira, durante reunião em seu gabinete, os novos integrantes do conselho do GGIM (Gabinete de Gestão Integrada do Município de Dourados). Como primeiro ato após a posse, os conselheiros aprovaram o andamento do projeto de monitoramento da cidade.



Formado por representantes da prefeitura, OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Ministério Público e de todos os organismos de segurança, incluindo Corpo de Bombeiros, o GGIM tem a finalidade de deliberar e coordenar as ações do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania) em nível municipal.



Entre os representantes estão o delegado regional de Polícia Civil Antonio Carlos Videira, o comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar Ary Carlos Barbosa e o promotor de Justiça João Linhares Junior.



Como a implantação de um sistema de monitoramento na cidade envolve diretamente o setor de segurança, o prefeito aproveitou a posse dos novos conselheiros para apresentar e discutir o projeto, que ainda está na área técnica, devendo passar por uma série de ajustes e por novas discussões entre os integrantes do GGIM.



O diretor interino da Guarda Municipal João Vicente Chencareck fez a apresentação do projeto a pedido do prefeito, por ter participado ativamente da elaboração do sistema. Ele explicou que se trata de uma proposta para funcionamento a médio prazo e que necessita da participação integrada dos organismos de segurança.



MONITORAMENTO



O objetivo principal do projeto é instalar 64 câmeras de vídeo com alta tecnologia em diversos pontos da cidade, como shopping, rede bancária, praças, escolas, terminal rodoviário, aeroporto, Estádio Douradão, parques e em toda a área central. As imagens serão acompanhadas ao vivo em uma central, facilitando o atendimento às ocorrências.



A comunicação usando tecnologia sem fio será feita através de torres distribuídas em três pontos da cidade, com possibilidade de acesso compartilhado via internet, incluindo o reposicionamento do equipamento. São aparelhos com detector de movimento e identificação de placa de veículo.



O prefeito Murilo explicou que a intenção é reduzir o índice de criminalidade. Especialistas em segurança pública presentes na reunião com o prefeito informaram que nos municípios onde existe sistema de monitoramento os índices de violência e outros crimes caíram pela metade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Sasha enfrenta calor forte do Rio em dia de praia com amigas
LADÁRIO
Antes da prisão, vereador procurou MP para “entregar” delator
CAARAPÓ
Juiz federal determina reintegração de área invadida por índios
TRÊS LAGOAS
Três dias após internação, professora morre com suspeita de dengue
RELIGIÃO
Imagens sacras serão mantidas no Planalto e Alvorada, diz Bolsonaro
AQUIDAUANA
Operador de máquina morre um dia após batida entre carro e caminhão
LIMINAR
Justiça de Goiás nega habeas corpus ao médium João de Deus
BATAGUASSU
Polícia apreende 115 quilos de cocaína em estepe de caminhão
MAIS CEDO
Globo oficializa que jogos de quarta-feira terão início às 21h30
TECNOLOGIA
Clientes do Banco do Brasil poderão usar WhatsApp para fazer saques

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem faz desabafo sobre a morte do pai em confronto: “lamento por você ter escolhido esse caminho”
DOURADOS
Délia exonera cinco secretários de uma só vez e inicia reforma administrativa
DOURADOS
“Batida” acaba com festa lotada de menores e regada a bebida alcoólica
POLÍCIA
Jovem é baleada em tentativa de assalto em Dourados