Menu
Busca quinta, 21 de junho de 2018
(67) 9860-3221

Murilo empossa Gabinete para coordenar a instalação de 64 câmeras do "Big Brother" de Dourados

05 dezembro 2012 - 12h47





O prefeito Murilo empossou na manhã de terça-feira, durante reunião em seu gabinete, os novos integrantes do conselho do GGIM (Gabinete de Gestão Integrada do Município de Dourados). Como primeiro ato após a posse, os conselheiros aprovaram o andamento do projeto de monitoramento da cidade.



Formado por representantes da prefeitura, OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Ministério Público e de todos os organismos de segurança, incluindo Corpo de Bombeiros, o GGIM tem a finalidade de deliberar e coordenar as ações do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania) em nível municipal.



Entre os representantes estão o delegado regional de Polícia Civil Antonio Carlos Videira, o comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar Ary Carlos Barbosa e o promotor de Justiça João Linhares Junior.



Como a implantação de um sistema de monitoramento na cidade envolve diretamente o setor de segurança, o prefeito aproveitou a posse dos novos conselheiros para apresentar e discutir o projeto, que ainda está na área técnica, devendo passar por uma série de ajustes e por novas discussões entre os integrantes do GGIM.



O diretor interino da Guarda Municipal João Vicente Chencareck fez a apresentação do projeto a pedido do prefeito, por ter participado ativamente da elaboração do sistema. Ele explicou que se trata de uma proposta para funcionamento a médio prazo e que necessita da participação integrada dos organismos de segurança.



MONITORAMENTO



O objetivo principal do projeto é instalar 64 câmeras de vídeo com alta tecnologia em diversos pontos da cidade, como shopping, rede bancária, praças, escolas, terminal rodoviário, aeroporto, Estádio Douradão, parques e em toda a área central. As imagens serão acompanhadas ao vivo em uma central, facilitando o atendimento às ocorrências.



A comunicação usando tecnologia sem fio será feita através de torres distribuídas em três pontos da cidade, com possibilidade de acesso compartilhado via internet, incluindo o reposicionamento do equipamento. São aparelhos com detector de movimento e identificação de placa de veículo.



O prefeito Murilo explicou que a intenção é reduzir o índice de criminalidade. Especialistas em segurança pública presentes na reunião com o prefeito informaram que nos municípios onde existe sistema de monitoramento os índices de violência e outros crimes caíram pela metade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUU!!
Esposa de Faustão ostenta corpão em viagem por Honduras
ECONOMIA
Caged: 33 mil novos empregos formais foram criados em abril
APROVEITAMENTO
Potencial para transformação de biomassa em energia é amplo em MS
PROCON
Pesquisa aponta variação de quase 40% no preço do diesel na Capital
EXÉRCITO
Prazo para alistamento militar termina em 30 de junho
BRASIL
Câmara aprova novo marco regulatório para transporte de cargas
LEILÃO
Com lances a partir de R$ 10 mil, governo leiloa oito terrenos amanhã
REDE ABEVÊ
Veja vídeo da entrega do carro 0km para ganhadora de promoção
INTERNACIONAL
Trump assina ordem para suspender separação de famílias de imigrantes
DOURADOS
UFGD seleciona empreendimentos para Incubadora de Tecnologias Sociais e Solidárias

Mais Lidas

MS-276
Acidente entre trator e caminhonete mata homem em Dourados
COMPLICAÇÃO APÓS CIRURGIA
Juiz aposentado e ex-diretor da Agepen, Ailton Stropa, morre em São Paulo
RESERVA INDÍGENA
Homem é flagrado nu sobre menina de 7 anos em Dourados
SÃO PAULO
Jovem desaparecido há duas semanas foi preso com 74 kg de cocaína