Menu
Busca segunda, 21 de maio de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018
11 DE SETEMBRO

Mulher morre três dias após ser espancada e esfaqueada em Dourados

15 setembro 2017 - 08h36

Mariana Benites de Oliveira, 27, morreu na noite de quinta-feira (14) no Hospital da Vida em Dourados. No dia 11 de setembro ela foi abordada por três homens que a agrediram e levaram dela R$ 60.

O caso ocorreu na rua D-11, Vila Mariana, mesmo bairro onde a vítima mora.

Conforme o boletim de ocorrência, ela seguia pela via na companhia de amiga quando o grupo fez a abordagem. Em seguida começaram a agredi-la a pauladas, pedrada e chutes, recebendo ainda uma facada no pescoço.

Ferida a mulher seguiu até sua casa e conseguiu ligar para o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada ao hospital, não resistiu aos ferimentos e morreu.

O caso foi registrado pela irmã de Mariana no 1º Distrito Policial de Dourados como morte a esclarecer e não como latrocínio - roubo seguido de morte - ou feminicídio. Os suspeitos já estão identificados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VEÍCULOS
TJ/MS abre leilão de bens apreendidos com lances a partir de R$ 100
EDUCAÇÃO
Unigran Centro é inaugurada para facilitar acesso de estudantes
ESPORTES
Prefeitura segue com transformação de espaços de lazer em Dourados
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda de 1,35% após seis altas seguidas
PROMOÇÃO
Abevê sorteia viagem e veículo 0km; veja ganhadores
ESPORTES
Fundesporte leva conhecimento sobre handebol escolar para a região da Grande Dourados
FLAGRANTE
Policial aposentado é preso com cocaína em Dourados
BR-267
Polícia encontra maconha e R$ 44 mil falsos em Uno
CAPITAL
Vice-governadora recebe ex-ministro Rebelo e trata de segurança na fronteira
ESQUEMA
Sete são denunciados por associação criminosa e fraude em licitação do aeroporto da Capital

Mais Lidas

BR-163
Caminhonete carregada com maconha é encontrada abandonada em posto de Dourados
CAMPO GRANDE
Chefe de quadrilha investigada pela PF foge de presídio
PEDRO JUAN
Mulher é executada a tiros na fronteira
JARDIM PANTANAL
Homem é baleado após ser cercado por grupo