Menu
Busca terça, 13 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
DOURADOS

MPE recomenda conclusão de sindicância que apura irregularidade de preso

20 outubro 2017 - 15h35

O Ministério Público de Mato Grosso do Sul, por meio do Promotor de Justiça Ricardo Rotunno, titular da 16ª Promotoria de Justiça recomendou à Procuradoria Regional de Entidades Públicas de Dourados (PREP/D) que conclua, dentro de 90 dias, os trabalhos da comissão sindicante instaurada para apurar fatos relacionados à transferência indevida do preso Mário Luiz Gomes para o presídio masculino de regime semiaberto e aberto do Município.

Conforme a recomendação, até o momento, não houve encaminhamento de cópias do Processo de Sindicância n° 31/601.538/2014, com a decisão proferida pela procuradoria jurídica.

De acordo com o Promotor de Justiça Ricardo Rotunno, foi instaurado o Inquérito Civil nº 52/2014/PJPPS/DD para apurar eventual irregularidade na transferência indevida do preso, sendo que, posteriormente, em 15 de janeiro de 2015, a Procuradoria Regional instaurou o Procedimento Administrativo de Sindicância n° 31/601.538/2014, para apurar os fatos.

Ele esclarece, ainda, que já se passaram quase três anos desde a instauração do Inquérito Civil e, ainda não há informações sobre a conclusão daquela sindicância.

Na recomendação, o Promotor de Justiça estabelece que no prazo improrrogável de 30 dias, deve ser concluída a Sindicância Administrativa n. 31/601.538/2014, sob pena de serem adotadas as medidas cabíveis em desfavor do responsável pelo retardamento dos trabalhos.

Em caso de descumprimento a 16ª promotoria de Justiça adotará as providências judiciais e extrajudiciais pertinentes para garantir a prevalência das normas de proteção ao patrimônio público e social.

O Ministério Público Estadual deverá ser comunicado, no prazo de 10 dias, se a autoridade acolherá ou não a recomendação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASA PRÓPRIA
Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária
INDUBRASIL
Polícia caça suspeito de matar diarista investigada por latrocínio
JUSTIÇA ELEITORAL
TSE dá 3 dias para Bolsonaro esclarecer 'inconsistências' em contas
UFGD
Abertas inscrições para doutorado em Biotecnologia e Biodiversidade
BRASILÂNDIA
Estudantes de escola de MS criam dicionário de línguas indígenas
JUSTIÇA
Calúnia e difamação em rede social geram dano moral a usuário
ECONOMIA
Dólar fecha em alta de quase 2% e ultrapassa R$ 3,80
BRASIL
Agricultura deverá assumir pesca, pequenos produtores e Incra
FUTEBOL MS
Às vésperas do Arbitral, apenas em estádio está apto para o Estadual Série A
CLIMA
Dourados tem novo dia quente com sensação térmica próxima dos 40ºC

Mais Lidas

ÑU VERA
Homem morre em Dourados após bebedeira
ANGÉLICA
Jovem morre atropelado durante o trabalho em pátio de usina
PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada