Menu
Busca domingo, 18 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Justiça concede liberdade para o agente federal que matou PM

13 maio 2011 - 16h19

O juiz Adriano da Rosa Bastos, da 3ª Vara Criminal de Dourados, concedeu na tarde desta sexta-feira, liberdade provisória ao policial federal Leonardo de Lima Pacheco, 35 anos, preso em flagrante no último domingo, após matar o policial militar Sandro Morel, 36 anos, e ferir o também PM José Pereira da Silva, 29 anos.

Leonardo também foi baleado durante o tiroteiro, que correu após ele marcar pela internet um encontro com a guarda municipal Zilda Ramires, 44 anos.

O policial disse à Zilda, durante a conversa, que era traficante, e ela acionou a equipe do serviço de inteligência da Polícia Militar na cidade com o intuito de prendê-lo.

A defesa de Leonardo havia pedido ao juiz o relaxamento da prisão, por considerar que não houve elementos para o flagrante. O magistrado rejeitou esse pedido, mas entendeu que o policial federal pode responder ao processo em liberdade, por se tratar de réu primário, com residência fixa.

O agente da PF está na carceragem da Corporação em Dourados, desde ontem, quando teve alta do Hospital Santa Rita.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPORAL
Fortes ventos derrubam mais de 30 árvores e deixa rastro de destruição em Dourados
CONCURSOS
Ao menos 13 órgãos abrem inscrições nesta segunda para 1300 vagas
CAMPO GRANDE
Corpo carbonizado é encontrado dentro de carro destruído pelo fogo
TEMPORAL
Ventos fortes derrubam árvores em Dourados
CONCURSO
Itaporanense conquista o título de Mister Personalidade de Las Américas
IGUATEMI
Mulher contratada por presidiário é presa com explosivos na MS-295
EMPREGO
Idosos no mercado de trabalho é recorde, mas sem carteira assinada
CORUMBÁ
Briga generalizada acaba com jovem morto esfaqueado mais de 10 vezes
JUSTIÇA
Reforma do Fórum de Nova Andradina será entregue terça-feira
OURO VERDE
Após desacordo comercial jovem é preso por ameaçar mãe e padrasto

Mais Lidas

DOURADOS
Bandido armado faz arrastão do Flórida ao Centro durante a noite
DOURADOS
Dupla desobedece ordem de parada, é perseguida e acaba presa em flagrante por porte de arma
FACADAS
Traficante brasileiro mata namorada dentro de cela no Paraguai
CAMPO GRANDE
Homem se joga do 9° andar de hotel luxuoso na Capital