Menu
Busca quinta, 23 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Instituto Federal é conquista coletiva,diz Geraldo Resende

04 dezembro 2012 - 15h00






A população de Dourados vai ter, nos próximos anos, mais uma grande conquista no setor educacional, possibilitando formação de obra qualificada para o mercado de trabalho em vários segmentos: uma unidade do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS). Essa vitória é resultado de uma luta que vem sendo travada há mais de seis anos pela bancada federal, na atual e na legislatura anterior.


As afirmações são do deputado federal Geraldo Resende, durante audiência pública realizada segunda-feira (3) na Câmara de Vereadores, com a presença do prefeito Murilo Zauith, do reitor do IFMS Marcus Aurélius Stier Serpe, da Pró-Reitora de Ensino e Pós Graduação Marcelina Teruko Fujii Maschio, deputado estadual Laerte Tetila, presidente da Câmara de Vereadores Idenor Machado, vereadores Albino Mendes e Elias Ishy, entre outros, além de diversas lideranças classistas e políticas, empresários, professores e outros segmentos.


“Da mesma forma que a luta pela implantação da UFGD, a conquista de uma unidade do Instituto Federal é uma iniciativa que vai mudar radicalmente o perfil econômico em nossa cidade, assim como ocorreu em outras regiões do país”, afirma Geraldo Resende. “Estávamos certos quando, desde 2006, engajamos nesta luta”.


Os cursos

A audiência pública serviu para extrair um indicativo de cursos que poderão ser ofertados na unidade local, sendo quatro técnicos (Edificações, Automação Industrial, Metalurgia e Designer de Produtos) e três superiores (Fabricação Mecânica, Produção em Vestuário e Produção Moveleira).


Essas indicações são resultado de um levantamento que foi feito pela Secretaria de Indústria e Comércio do Município, junto a instituições de apoio e ensino nas áreas de indústria e serviços, como Sebrae, Senai, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), entre outras.


Durante a audiência, o prefeito Murilo Zauith explicou que a unidade do IFMS em Dourados vai ser construída em área de 50 mil metros quadrados, na região do Jardim Canaã I, cujo terreno foi adquirido pelo Município ao custo de R$ 500 mil. A construção do prédio vai demandar investimentos da ordem de R$ 7 milhões e as obras deverão ter início no primeiro semestre do ano que vem, com previsão de término em 2014.


A conquista da unidade de Dourados faz parte de um pacote lançado pela Presidente Dilma Roussef em agosto do ano passado, dentro da terceira fase do Plano de Expansão da Rede Federal de Educação. Para Mato Grosso do Sul, também foram incluídos, nesta etapa, os municípios de Naviraí e Jardim.

Na ocasião, a presidente garantiu que até 2014 serão inauguradas quatro novas universidades federais, no Norte e no Nordeste; 47 novos campi a partir da expansão de universidades já existentes, além de 208 novas escolas técnicas em 200 municípios, visando atender 1,2 milhão de alunos nas universidades federais e outros 600 mil, nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Flávia Monteiro se diverte em praia do Ceará: "minha alma é uma eterna criança"
NOVA ANDRADINA
Menor agride mãe, ateia fogo em móveis, se tranca em cômodo e é salvo pela PM
UEMS
Acadêmicos participam de amistoso de Futebol Suiço na Aldeia Jaguapiru
ITAQUIRAÍ
Casal é investigado por golpes contra idosos que somam mais de R$ 500 mil
NOVO DECRETO
Exército vai definir em 60 dias quais armas cidadãos vão poder comprar
ACIDENTE
Motorista pega no sono e bate caminhão na traseira de outro na BR-163
FUTEBOL
Fifa desiste de fazer Copa do Mundo do Catar com 48 seleções
CRIME AMBIENTAL
Ambiental fecha suinocultura instalada em área protegida de nascentes
JUSTIÇA
Banco é condenado a ressarcir cheque extraviado de R$ 29 mil
UEMS
Estão abertas as inscrições para a VI edição do Enepex

Mais Lidas

POLÍCIA
Após pescaria, marido encontra desconhecido na frente de casa e ameaça mulher com arma em Dourados
PEDRO JUAN
Seis morrem e uma criança fica ferida após ataque de pistoleiros na fronteira
PEDRO JUAN
Três suspeitos de chacina na fronteira são presos pela polícia paraguaia
DOURADOS
Tropa de Choque chega à PED após suspeita de túnel e motim