Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Idoso deixa Hospital Universitário 11 meses após receber alta

10 janeiro 2013 - 11h52


André Bento/Diário MS

Quase um ano depois de ter recebido alta médica, o mecânico aposentado Alexandre Dias Gonçalves, 61, pôde enfim deixar a enfermaria 35 do posto 3 do HU (Hospital Universitário) de Dourados. Com esclerose lateral amiotrófica, ele morava no local desde o dia 18 de novembro de 2011. Mesmo após a recuperação, foi somente depois de ter ganhado na Justiça um respirador mecânico, entregue pela prefeitura, que foi liberado para viver em casa, ao lado da família.

O aposentado chegou a passar 13 dias internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Mas essa não foi a fase mais crítica de sua estadia no Hospital. Desde o dia 17 de fevereiro do ano passado ele poderia ter sido liberado. No entanto, diante da negativa do poder público em lhe conceder um aparelho chamado Bipap, teve que viver num quarto de enfermaria.

Essa história foi noticiada pelo Diário MS em agosto de 2012. Ontem houve o final feliz. “Foi muita luta, já estava achando que não ia dar certo, mas graças a Deus deu tudo certo”, comemorava pouco antes de ir para a casa da irmã, Anália Dias Cabreira, 72. “Minha mudança já está toda arrumada”.

A possibilidade de voltar ao convívio familiar veio após decisão do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) que obrigou a Prefeitura de Dourados a lhe conceder o respirador mecânico. Em caso de descumprimento da determinação judicial, seria aplicada pena de multa diária no valor de R$ 1.000.

Além do Bipap, de aproximadamente R$ 20 mil, também foram entregues um aspirador e um inalador, necessários para a qualidade de vida do paciente.

Com os equipamentos em mãos, Alexandre Dias Gonçalves não continha a alegria. “As enfermeiras estão todas tristes porque vou embora”, brincava. Nesse mesmo bom humor também já traçava os primeiros planos para a vida fora do hospital. “Quando eu chegar em casa vou assar uma carne e tomar um vinho”.

Segundo o enfermeiro Alexandre Mendonça, a dieta nutricional do aposentado não deve impedi-lo de realizar alguns desses desejos. Mesmo assim, serão necessários cuidados básicos. Como o paciente vai residir na sitioca Campo Belo, uma equipe do Posto de Saúde do Campo Dourado fará o acompanhamento periódico.

Parte do material utilizado em seu dia-a-dia foi garantida pelo próprio HU. “São luvas, sondas e gases estéreis para umas duas semanas”, informa o enfermeiro. O medicamento mais caro continuará a ser encaminhado pela Secretaria de Estado de Saúde. Os mais acessíveis poderão ser requeridos na Secretaria Municipal de Saúde ou adquiridos pela própria família.

Para o fisioterapeuta intensivisa Alexandre Inagaki, que também acompanhou o caso, é preciso que o poder público “se prepare cada vez mais para garantir a desospitalização com qualidade de vida”. Ele explica que isso é necessário porque a tendência é que esses pacientes crônicos tenham cada vez mais tempo de vida. “Em Dourados deve ter de quatro a cinco pacientes com problemas semelhantes”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIGAÇÕES
Preso no RJ, suspeito de planejar morte de “chefão da fronteira” é acusado de lavagem de dinheiro em MS
ESTÉTICA
Conheça um pouco mais sobre o Microagulhamento
POLÍTICA
“A gente precisa mendigar apoio”, diz vereador sobre falta de representatividade em Brasília
PEDESTRIANISMO
‘9ª Corrida Saúde Cassems-Noturna’ abre inscrições na próxima segunda-feira
LEGISLATIVO
Instituída Frente em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio
RODEIO FESTIVAL
Dourados se transformará na Capital do rodeio de MS em agosto
POLÍTICA
Sede da Ancine será transferida para Brasília, diz Bolsonaro
DOURADOS
Projeto reforça segurança nas aldeias indígenas
POLÍCIA
Enteada busca polícia acusando padrasto de estupro e violência doméstica
PEDRO JUAN
Homem que mandava nudes a mulheres é preso na fronteira

Mais Lidas

FRONTEIRA
Pistoleiros são presos após executarem homem a tiros
DOURADOS
Delegado encerra Inquérito e aguarda perícia para saber se tiro que matou bioquímico foi acidental
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
FRONTEIRA
Suspeito de ter matado homem encontrado boiando em rio é preso