Menu
Busca quinta, 09 de abril de 2020
(67) 9860-3221
DOURADOS

Fenômeno que assustou moradores é classificado como princípio de tornado

28 janeiro 2020 - 16h20Por Wender Carbonari

A forte tempestade que atingiu bairros de Dourados nessa segunda-feira (27) pode ser classificado como um princípio de tornado, segundo Maycon Zanata, de 28 anos, especialista no assunto.  

De acordo com dados site Guia Clima, da Embrapa Agropecuária Oeste, foram registrados ontem apenas 1,8 milímetros de chuva em 13 minutos. 

Apesar da rapidez e da pequena quantidade de precipitação, o princípio de tornado provocou estragos, principalmente no bairro Canaã III, localidade visitada pela equipe do Dourados News na manhã desta terça-feira (28). Zanata explica que fenômeno que atingiu a região sul de Dourados não chegou a se formar por completo. 

Analisando imagens de vídeos e fotos é possível perceber que o movimento do vento estava em rotação e levantava objetos onde passava, característica inerente ao fenômeno climático chamado de tornado. 

Além de intenso e perigoso, tornados ou pequenos tornados, são muito difíceis de serem previstos, justamente pela característica de dependência de condições climáticas momentâneas para sua formação. Diferente de fenômenos que nascem em local específico e se deslocam para outras áreas, como é o caso dos furacões, por exemplo. 

TORNADO X VENTANIA

O douradense Maycon Zanata, afirma ser “caçador de tempestades”. Juntamente com um grupo de estudiosos sobre o assunto, monitoram qualquer tipo de movimento semelhante a estes fenômenos climáticos. 

Ele explicou ao Dourados News que princípios de tornados e tornados são relativamente comuns em Mato Grosso do Sul, passando de 10 ocorrências desta natureza por ano. Nos últimos três meses foram registradas três ocorrências deste tipo. 

A principal diferença dos tornados para ventanias normais está na direção do vento. Enquanto um vendaval possui sentido único, os tornados correm de forma circular e “sugam” ar de baixo para cima.  

Este movimento do vento fez com que diversas fachadas de estabelecimentos comerciais fossem danificadas em Dourados, mais um fator que indica o princípio da formação desse fenômeno. 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BALANÇO
Em 3 meses, AGU cobra R$ 37 mi de autores de irregularidades em autarquias
CORONAVÍRUS
Universidades públicas em Dourados concentram ações na contenção da pandemia
CORUMBÁ
Polícia captura foragido do sistema prisional durante abordagem
ECONOMIA
Auxílio emergencial foi pago hoje para 2,5 milhões de pessoas
COVID-19
Pessoas com idade entre 30 e 39 anos são as que mais contraíram coronavírus em MS
TRÁFICO
Falso casal é preso com maconha que seria entregue em Dourados
DOURADOS
Polícia Penal flagra drogas e celulares na PED
BRASIL
Registro para vender produtos de cannabis pode ser pedido online
DOURADOS
Paciente confirmado com Covid-19 hoje já estava isolado e terminou quarentena
CORUMBÁ
MP dá 48h para bancos e lotéricas adotarem medidas de prevenção ao coronavírus

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tenta desviar de buraco, é atropelada por carreta e morre
DOURADOS
Assassinos de homem no Parque das Nações roubaram celular de testemunha
DOURADOS
Na volta ao atendimento, populares formam filas longas em frente a agências bancárias
DOURADOS
Mulher morta em acidente cursava pedagogia e terá corpo levado a Naviraí