Menu
Busca terça, 11 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

FÊNIX aprova novo empreendimento para incubação

26 maio 2011 - 08h26



A FÊNIX, incubadora de empresas da UEMS, selecionou mais uma proposta de empreendimento para participação no sistema de pré-incubação, que apoia os empreendedores na criação de novos negócios.

O novo empreendimento selecionado chama-se Pix adesivos decorativos, dos empreendedores Juliana Andrekowisk Couto Mazini e André Giulliano Mazini. A seleção ocorreu após os empreendedores apresentarem suas propostas a uma comissão técnica, composta por Maria Lourdes Nunes (Corpo Docente UEMS), Vamilton Furtado dos Santos Junior (SEBRAE – Dourados) e Elizabeth Ribeiro de Souza (Casa da Cultura – UEMS). O empreendimento foi aprovado com a média de 8.1 nos critérios estabelecidos pela FÊNIX.

"Minha expectativa é que a Fênix me ajude a dar forma empresarial à Pix. Embora eu tenha conhecimento sobre como fazer os adesivos ainda me falta habilidade para gerenciar o negócio e entrar no mercado", diz a nova empreendedora. Juliana enfatizou a importância da incubadora na estruturação de novos empreendimentos em Dourados. Para ela essa é uma maneira da Universidade sair "da sala de aula" e contribuir diretamente em outras esferas da sociedade além da educação formal.

De acordo com Janete Soares, responsável pela FÊNIX, as próximas etapas serão de assinatura do convênio e abertura de licitação para que a incubadora contrate um consultor para auxiliá-los no processo. “O consultor irá contribuir para formatar o plano de negócios, planejamento estratégico, planejamento de marketing, gestão financeira, enfim, toda a gestão de modo geral”, explica Janete.

Por meio do sistema de incubação, a FÊNIX oferece suporte aos empreendedores que ainda não detêm condições suficientes para o início imediato de suas atividades, tais como plano de negócios totalmente definidos, tecnologia testada e/ou protótipos/processos acabados, planejamento estratégico, marketing e recursos financeiros assegurados para investimentos e/ou desenvolvimento. “A parte de criatividade eles têm de sobra”, garante Janete FÊNIX, que comemora mais um empreendimento pré-incubado.

A FÊNIX tem um edital de fluxo contínuo aberto e está recebendo propostas de novos empreendimentos. É possível acessá-lo no link http://www.uems.br/portal/editais/574_1_01-06-2010_11_25_35.pdf.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TACURU
Motorista morre prensado após bater em trator na rodovia MS-295
DANOS MORAIS
Justiça manda União indenizar Dallagnol por ofensas de Gilmar Mendes
CAPITAL
Servidor da Saúde morre de covid-19 e colegas lamentam "descaso"
EMPREGO
País tem 95 concursos públicos abertos para mais de 10 mil vagas
BRASILEIRAO
CBF anuncia mudanças no protocolo de testes para a Covid-19
RACHADINHA
Defesa de Fabrício Queiroz entra com pedido de liberdade no Supremo
CAMPO GRANDE
‘Preferia morrer ali do que ir com eles’, desabafa mulher vítima de sequestro
INTERNACIONAL
Discurso de Trump é interrompido após tiro do lado de fora da Casa Branca
CORONAVÍRUS
Técnico de enfermagem é o 4º profissional da Saúde morto em Corumbá
JUSTIÇA
Consumidor tem direito de troca imediata de bem essencial ao trabalho

Mais Lidas

REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
DOURADOS
Suspeito de atropelar motociclista durante racha na BR-163 se apresenta à polícia
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo
FRONTEIRA
Ex-lutador de MMA é executado a tiros em confraternização