Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Fechado desde novembro, hospital tem licitação suspensa mais uma vez

16 agosto 2017 - 16h20

O Governo de Mato Grosso do Sul suspendeu mais uma vez o chamamento público para seleção de Organização Social para gestão do Hospital Regional de Cirurgias Eletivas da Grande Dourados (antigo São Luiz). A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (16).

A unidade está fechada desde novembro de 2016. Já é a segunda suspensão de edital neste ano.

A primeira ocorreu em maio, com a justificativa de necessidade de mudanças no edital do processo de licitação para contratação da organização social [relembre aqui](http://www.douradosnews.com.br/dourados/mudancas-no-edital-adiam-decisao-sobre-nova-gestao-e-hr-continua-parado).

Agora a decisão acontece, conforme a assessoria de imprensa da SES (Secretaria de Estado de Saúde), devido a contestação de uma empresa que participa do certame quanto a negativa sobre sua aptidão a concorrer a gestão.

A mesma recorreu à justiça que deu parecer favorável as suas solicitações. A assessoria de imprensa da SES não detalhou quais são os pontos questionados pela empresa.

Duas empresas participavam da seleção para assumir a gestão do HR e haviam passado pela etapa de habilitação em que é avaliado o encaixe nos pré requisitos.

Conforme a assessoria da SES, os próximos trâmites dependem das definições da justiça para posteriores medidas da SES. No entanto, é possível que o chamamento seja reaberto na próxima semana.

O Dourados News entrou em contato ainda com o médico oncologista e responsável pela direção do hospital, David Infante Vieira, para mais detalhes sobre a situação, mas, ele disse não possuir informações.

As atividades no HR foram paralisadas no dia 07 de novembro de 2016, o que foi motivado por problemas de infiltração no prédio da unidade em funcionamento na época, há menos de um ano [entenda]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/problema-em-telhado-fecha-por-20-dias-hospital-regional-de-cirurgias).

A previsão de retomada do atendimento no local era de 20 dias. Em janeiro, o Dourados News constatou que o local continuava sem atendimentos e o motivo alegado era que a reforma precisou se estender mais do que o esperado pela necessidade de troca de todo o telhado em pontos atingidos com a infiltração, troca de madeira, impermeabilização, novas lajes e troca de gesso.

A previsão da retomada dos trabalhos na época, foi colocada para início de fevereiro, sem apontamentos de uma nova gestão [relembre aqui]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/reforma-trava-e-hospital-regional-continua-fechado).

A gestão do Hospital Regional de Cirurgias Eletivas da Grande Dourados ficava a cargo da Associação Beneficente de Douradense, Hospital Evangélico. Diante de recomendação do Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul, tal contrato foi revogado em agosto de 2016 [veja aqui]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/mp-da-60-dias-para-evangelico-deixar-gestao-do-regional). Desde então, não foi determinada uma nova empresa para ser responsável pela unidade.





Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÁFICO DE DROGAS
Veículo roubado e entorpecente são apreendidos em Ponta Porã
APREENSÃO
Madeira irregular é apreendida durante barreira policial
BRASIL
Ex-presidente do BNDES Carlos Lessa morre no Rio de Covid-19
TRÁFICO
Polícia ‘estoura’ boca de fumo e prende traficante em Dourados
DOURADOS
Suspeito de apontar arma na cabeça de motoboy para roubar veículo é apreendido
DOURADOS
Polícia descobre central que abastecia “bocas de fumo” e prende traficante
PANDEMIA
Em dia que confirma nova morte, MS se aproxima de 2 mil casos de coronavírus
PANDEMIA
Comitê realinha números com Estado e confirma 446 casos de Covid-19 em Dourados
MATO GROSSO DO SUL
Subsecretaria das Mulheres alerta sobre importância de denunciar crimes de violência sexual
DOURADOS
Toque de recolher segue estendido até taxa de isolamento melhorar

Mais Lidas

PANDEMIA
Em disparada, casos de Covid-19 tem novo recorde diário e passam de 400 em Dourados
EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
DOURADOS
Conselho aponta riscos de contaminação em massa por coronavírus no HV