Menu
Busca sexta, 23 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
CONFRATERNIZAÇÃO

Família Torraca realiza 2º Encontro nos dias 14 e 15 em Dourados

01 outubro 2017 - 18h14

Terá dois dias de programação o 2º Encontro da Família Torraca, marcado para acontecer em Dourados, no feriadão de outubro. Depois do sucesso do primeiro encontro, realizado em março do ano passado, em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, os descendentes do italiano Francesco Torraca e da paraguaia Carmem Benites vão se reunir em Dourados, nos dias 14 e 15 de outubro.

Pelo menos 300 pessoas são esperadas para a festa, a maioria da fronteira Brasil/Paraguai, de Campo Grande e também de outros estados, como Goiás, São Paulo, Paraná,  Rio de Janeiro e também do Pernambuco.

De acordo com o presidente da Associação da Família Torraca, diretor de escola em Ponta Porã, Ricardo Luiz Villaverde de Torraca, este segundo encontro promete ser uma grande festa, pois a procura tem sido grande e muitas pessoas já estão mobilizando caravanas de várias cidades de Mato Grosso do Sul e também de outros estados para passar o feriadão confraternizando entre parentes em Dourados.

"Na verdade, nosso encontro será um grande reencontro, já que terá a presença de vários parentes que há muitos anos não se veem. Será uma grande oportunidade para os mais jovens se conhecerem melhor e para os mais antigos matarem a saudade e relembrarem a história", avalia.

A coordenação do Encontro em Dourados é de Elso Brandão Torraca. "A família é o nosso maior patrimônio, e esse encontro veio em uma boa hora, pois é uma oportunidade que damos aos nossos filhos e netos, de conhecerem um pouco mais sobre o patriarca Frascesco Torraca, que nos deixou como legado o trabalho e a dedicação à família".

PROGRAMAÇÃO

A programação do 2º Encontro da Família Torraca terá início às 9h do sábado de Aleluia, com concentração no Parque Antenor Martins; às 10h, terá início a carreata em direção ao local do evento, em espaço de lazer de uma sitioca da cidade. Após o almoço, a tarde será livre para passeios e atividades recreativas. À noite, o jantar-dançante e homenagens.

O domingo todo será para atividades esportivas, com jogos de mesa e futebol entre equipes representantes de Dourados, Campo Grande, Ponta Porã e Pedro Juan. No almoço será sevido churrasco.

HISTÓRIA

A história dos Torraca no Brasil começou no final do século 19, quando Francesco Torraca e o primo César deixaram a província de Salerno, ao sul da Itália, e rumaram à América. Chegaram ao Rio de Janeiro em 1878. Por não se adaptar com o calor intenso da ‘cidade maravilhosa’, Francesco mudou-se para Buenos Aires (Argentina), depois para o Uruguai e, finalmente, Conceição, no Paraguai, onde se casou com Carmem Benites.

No Paraguai, Francesco e Carmem tiveram os cinco primeiros filhos – Francisco Filho (Pancho), Juan José (Pepino), Albino, Edélia e Atílio. Em 1894 se mudaram para o Brasil e o matrimonio no cartório se deu em Nioaque (então MT), onde nasceram outros três filhos - Morosina (Negra), Tulieta (Nena) e Duílio.

Francesco veio para Dourados entre 1900 e 1901, e morou na cidade até o dia 4 setembro de 1947, quando faleceu, aos 95 anos.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ERRO
Diário Oficial traz convocação de três “fulanos”
DOURADOS
Para coordenador da Funai, afirmação de Bolsonaro “incita ódio e não ajuda em nada”
INDÁPOLIS/LAGOA BONITA
Após acidentes, polícia deve reforçar fiscalização na MS-276
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar R$ 6,2 milhões amanhã
AGENDA
Governador participa de ação do Programa Vale Renda neste sábado
MS-276
Idoso morre atropelado ao tentar atravessar rodovia
PONTA PORÃ/DOURADOS
Dupla é presa com mais de 100kg de maconha na BR-463
CAMPO GRANDE
Funcionário morre em pátio de cargas de aeroporto após passar mal
DOURADOS
Semaf divulga lista de selecionados para “Projeto Peixe”
MAIS UM ACIDENTE
Atropelamento deixa um morto próximo a Lagoa Bonita

Mais Lidas

MS-276
Homem morre em acidente entre Indápolis e Lagoa Bonita
DOURADOS
Fundadora de creche vai à polícia após denúncia de agressão
DOURADOS
Mulher é baleada durante assalto na avenida Indaiá
AVENIDA INDAIÁ
Baleada em assalto em Dourados passa por cirurgia