Menu
Busca domingo, 18 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
AGRICULTURA

Excesso de chuva não atrapalha colheita do milho, diz especialista

01 junho 2015 - 12h15

O excesso de chuva dos últimos dias, não irá atrapalhar a colheita do milho safrinha na região de Dourados. A planta está em um período onde a quantidade de água, que se acumulou no solo durante esse período, será útil nos próximos dias, para a formação do grão.

O histórico de chuvas na região, segundo a ferramenta Guia Clima da Embrapa do município, para o mês de maio, seria de 105,7 mm, mas o registrado ao longo do mês foi de 209 mm, ou seja, praticamente dobrou.

De acordo com o agrometeorologista da Embrapa Agropecuária do Oeste, em Dourados, Cláudio Lazzarotto, a chuva neste período favorece a planta e não leva a perda.

“Não tem como os produtores ficarem preocupados, foi positivo e favorável para a planta que está verde, pois nesta safra ele não plantou muito cedo o milho, devido ao atraso na colheita de soja. O que preocupa com a chuva, são as condições em que ficarão as estradas, para escoarem os grãos, durante a colheita que deve se iniciar na segunda quinzena de junho”, disse Lazzarotto em entrevista ao Dourados News.

Segundo o agrometeorologista, com a chuva, as estradas acabam ficando com muito buraco e pode atrapalhar a circulação dos caminhões durante a colheita, aliado a isso a perda do produto nos caminhões até o destino final.

Sobre o frio e a chuva para os próximos dias ele tranquiliza, pois não há previsão de geada nesta primeira quinzena de junho.

“O produtor pode ficar tranquilo, pois não tem previsão de geada nesta primeira quinzena. A temperatura irá ficar amena, como está atualmente, típicas do período de outono, nada de temperaturas baixas. Já a chuva será com frequência. Serão fracas, porém frequentes”, explica Cláudio.

Para o início do mês, Lazzarotto conta que ainda pode haver dias chuvosos, mas que não atrapalhará as plantações de milho na região. Na última semana, foram registradas queda de temperatura devido a uma frente fria que se instalou no Estado, trazendo a chuva e com isso o frio. Em Dourados, a sexta-feira (29) registrou a temperatura mais baixa do ano, com 8,4ºC.

Para a primeira semana de junho, a previsão é que a temperatura oscile no município, entre máxima de 29ºC e a mínima pode chegar a 9ºC, segundo o site Clima Tempo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE
De máquina de escrever a estante, leilão oferta 12 lotes a partir de R$ 100
POLÍTICA
Bolsonaro sai em defesa de Tereza Cristina: ela tem nossa confiança
CAMPO GRANDE
Homem que se jogou do nono andar de hotel passa por cirurgia no braço
TEMPORAL
Fortes ventos derrubam mais de 30 árvores e deixa rastro de destruição em Dourados
CONCURSOS
Ao menos 13 órgãos abrem inscrições nesta segunda para 1300 vagas
CAMPO GRANDE
Corpo carbonizado é encontrado dentro de carro destruído pelo fogo
TEMPORAL
Ventos fortes derrubam árvores em Dourados
CONCURSO
Itaporanense conquista o título de Mister Personalidade de Las Américas
IGUATEMI
Mulher contratada por presidiário é presa com explosivos na MS-295
EMPREGO
Idosos no mercado de trabalho é recorde, mas sem carteira assinada

Mais Lidas

DOURADOS
Bandido armado faz arrastão do Flórida ao Centro durante a noite
DOURADOS
Dupla desobedece ordem de parada, é perseguida e acaba presa em flagrante por porte de arma
FACADAS
Traficante brasileiro mata namorada dentro de cela no Paraguai
CAMPO GRANDE
Homem se joga do 9° andar de hotel luxuoso na Capital