Menu
Busca sábado, 16 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
PURIFICAÇÃO

Empresa contratada para fornecer alimentos não possuía funcionários e equipamentos

12 fevereiro 2019 - 10h37Por Adriano Moretto e Vinícios Araújo

A ‘Marmiquente’, empresa alvo da Operação Purificação, desencadeada na manhã desta terça-feira (12/2) em Dourados, foi contratada sem ao menos ter funcionários ou equipamentos. 

Conforme a Polícia Federal, todos os oito mandados de busca e apreensão e um de prisão temporário, contra o proprietário do comércio, Ronaldo Gonzales Menezes, foram cumpridos.  

Ainda de acordo com a PF, o processo licitatório que resultou no início das investigações ocorreu em 2017, já na gestão da prefeita Délia Razuk (PR). 

O contrato foi firmado ao valor de R$ 1,8 milhão pelo período de um ano. 

De acordo com as investigações, o esquema aponta para a criação da Marmiquente apenas para a participação da licitação. 

OPERAÇÃO

A Operação Purificação investiga esquema de corrupção em licitação para a aquisição de refeições a pacientes e funcionários de hospitais do município. 

Os crimes investigados são de estelionato qualificado (art. 171, parágrafo 3º), uso de documento falso (art. 304) e associação criminosa (art. 288), todos do Código Penal, além de fraude à licitação (art. 90 da Lei 8.666/90). 

PURIFICAÇÃO 

O nome da operação refere-se a depurar, expurgar, sanear, os processos licitatórios no âmbito da prefeitura de Dourados com verba federal.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Flávia Alessandra mantém feed de tirar o fôlego e capricha nas fotos
CAMPO GRANDE
Jovem é preso por filmar corpos de assaltantes mortos por PM
JUSTIÇA
Condenado por roubo a mulher grávida tem pena aumentada em dois anos
DICAS
Portal do MS traz série de matérias sobre o concurso da educação
COSTA RICA
Polícia faz cerco e prendem quadrilha especializada em furtos rurais
ECONOMIA
Gasolina recua pela 17ª vez e atinge menor preço em 13 meses
DESEMBARGADORA
STF nega pedido de liminar e Tânia Borges continua afastada
UFGD
Clube da Leitura' retorna, com 'As Meninas', de Lygia Fagundes Telles
SONORA
Assessor de Câmara Municipal é detido suspeito de bater na esposa
PRAZO
Abertas inscrições para curso de Processo Civil da Escola de Magistratura

Mais Lidas

DOURADOS
Homem que tramou assassinato de empresário tentou se matar antes de ser levado à PED
PORTE E POSSE DE ARMA
Justiça concede HC a empresário que teve morte encomendada pela mulher
DOURADOS
Envolvidos na trama contra empresário são transferidos à PED
AMAMBAI
Douradense é preso com mais de 1 tonelada de maconha em veículo roubado