Menu
Busca domingo, 23 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
POLITICA

Em visita a Assembleia, Idenor defende Plano Municipal de Educação

03 julho 2015 - 12h05

O processo de tramitação e aprovação do PME (Plano Municipal de Educação) em Dourados repercutiu em todo Mato Grosso do Sul, tanto que em visita institucional à Assembleia Legislativa realizada na última quarta-feira, dia 1° de julho, o presidente da Câmara de Vereadores de Dourados Idenor Machado (DEM) esclareceu os deputados estaduais sobre os principais aspectos que nortearam a aprovação do plano no município.

Indagado pelo deputado estadual Zé Teixeira (DEM) sobre os questionamentos apresentados pelos professores durante o processo de votação do plano em Dourados, Idenor explicou que parte categoria se articulou na tentativa de incluir nos debates diretrizes relacionadas diretamente a atuação e direitos categoria. Ele explicou que a reivindicação do magistério é legítima, no entanto, se tratava de um foro inadequado, tendo em vista que às propostas apresentadas pelos professores devem ser apresentadas e debatidas no PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração), lembrando que os vereadores tiveram um curto espaço de tempo para analisar e deliberar o projeto lei.

Diante do fato, Idenor foi convidado por Zé Teixeira a utilizar a tribuna da Assembleia para apresentar alguns dos principais aspectos que nortearam a aprovação do plano no município. Na tribuna da Assembleia, Idenor Machado reforçou a importância do PME (Plano Municipal de Educação) para a elaboração de novas diretrizes que possibilitem a qualificação do ensino em Dourados e no Estado. Para Idenor, o plano representa o ponta pé inicial para a construção de um modelo educacional moderno, eficaz e de qualidade.

Na tribuna, Idenor reforçou que a Câmara de Dourados cumpriu sua função, aprovando as metas específicas e estratégias que devem ser adotadas ao longo dos anos, além de atender aos prazos estabelecidos pelo MEC (Ministério da Educação), mantendo, inclusive, as 20 metas estabelecidas no documento base que irá nortear a Educação no município durante a próxima década.

Idenor informou aos deputados estaduais que em Dourados o PME foi elaborado a partir de ampla discussão, envolvendo todas as categorias, como diretores, professores e trabalhadores administrativos da educação municipal, além de representantes de instituições e entidades. Na Câmara, passou pelas comissões permanentes antes de ir a plenário para votação, em duas sessões.

“O Plano Municipal de Educação não gerou polêmica durante os debates apenas em Dourados, mas sim em todo o país. Isso é salutar tendo em vista que a construção de planejamento estratégico para o sistema educacional para os próximos 10 anos naturalmente divide opiniões e possibilita a apresentação de propostas e diretrizes divergentes. No entanto, o importante é de que respeitamos os prazos estabelecidos na legislação. Daqui para frente o debate continuará para que aperfeiçoar e melhorar o PME”, finalizou Idenor.


Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Mariana Rios amostra corpo sequinho de biquíni em dia de piscina
UFGD
Com mais de 1.200 trabalhos inscritos, Enepex começa terça-feira
FRONTEIRA
Polícia apreende mais de R$ 300 mil em eletrônicos em para-choque
ELEIÇÕES 2018
Campanha de Delcídio divulga Nota sobre impugnação de candidatura
CAMPO GRANDE
Mulher é presa com carregador e 20 chips nas partes intimas em presídio
TEMPO
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
MEIO AMBIENTE
Mineradora é autuada e fechada por extração ilegal de areia
ELEIÇÕES 2018
A partir de hoje, candidatos só podem ser presos em flagrante
CORUMBÁ
Cavalos em rodovia causam acidente e deixam duas pessoa mortas
EMPREGO
20 empresa estão com inscrições abertas para trainee; veja lista

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem foi espancada até a morte no Pelicano
DOURADOS
Jovem é encontrada morta no Jardim Pelicano
OPERAÇÃO NEPSIS
Ação conjunta prende cinco Policiais Rodoviários Federais em MS
OPERAÇÃO NEPSIS
Ação cumpre mandados de prisão contra suspeitos de contrabando