Menu
Busca terça, 21 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Em ato público, prefeito defende combate ao trabalho infantil

10 junho 2011 - 16h44

O prefeito Murilo Zauith participou na manhã desta sexta-feira do ato público para lembrar o Dia Mundial e Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, realizado na Praça Antônio João. Segundo ele, o trabalho infantil deve ser combatido de todas as formas possíveis. O município vem trabalhando com essas ações e pretende intensificar ainda mais, afirmou.



Uma das propostas para erradicar esse problema em Dourados é continuar em busca de escola em período integral. “Estamos implantando atividades no contraturno das aulas para oferecer às crianças, além do estudo normal em sala de aula, a prática de esportes, atividades culturais e de lazer”, comentou o prefeito.



Murilo disse que já comprou 2.200 vagas em academias e escolas, que vão oferecer para as crianças da Rede municipal de Ensino, a partir de agosto, diversas atividades esportivas e culturais. As aulas fazem parte dos projetos Palco para Todos e Proesporte, lançados na semana passada pelo Nace (Núcleo de Arte, Cultura e Esporte).



“Ainda é muito pouco para oferecer aos alunos do município, mas estamos trabalhando para aumentar essas vagas, pois lugar de criança é na escola, para que mais tarde seja um cidadão respeitado e digno”, frisou o prefeito. Ele conversou com as crianças do Peti (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) presentes ao evento. Em Dourados são cerca de 300 crianças incluídas no programa.



Segundo a secretaria de Assistência Social, Ledi Ferla, o objetivo da prefeitura é aumentar o número de famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Hoje em Dourados existem 13 mil famílias inscritas. De acordo com a secretária, o prefeito autorizou aumentar para 18 mil.

Um dos principais benefícios das famílias inscritas é a inclusão no programa Bolsa Família. Em Dourados são sete mil famílias beneficiadas.



Para a secretária, com o aumento de moradores incluídos no Cadastro Único, certamente mais famílias receberão o Bolsa Família. “Apesar das críticas, muitas pessoas não sabem o quanto essa renda é significativa para ajudar a retirar as crianças do trabalho e da situação de rua”, afirmou a secretária.



O ato público desta sexta-feira foi promovido pelas secretarias de Assistência Social e Educação, com apoio do Ministério do Trabalho e Emprego e Ministério Público do Trabalho.



Participaram a auditora fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego Maurita Sartori Gomes Ferreira, a procuradora do Ministério Público do Trabalho Cândice Gabriela Arósio, o Superintendente Regional do Trabalho e Emprego em Mato Grosso do Sul Anízio Pereira Tiago, o presidente da Câmara de Vereadores Idenor Machado, além dos secretários de Educação Walteir Betoni e de Finanças Walter Carneiro Júnior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Paranaense é autuado em R$ 12 mil por armazenamento de madeira ilegal
CONCURSO
IBGE lança edital com 209 vagas de recenseador e agente censitário
CAPITAL
Travesti é suspeita de matar vendedor de 48 anos com 14 facadas
SELEÇÃO
UEMS abre inscrições para processo seletivo de professores temporários
FRONTEIRA
Homem é preso com veículo adulterado e direção perigosa na MS-386
ADOLESCENTES
Governo vai lançar campanha de incentivo à adoção tardia
DOURADOS
Comemoração ao mês do Trabalhador terá ações na UEMS Dourados
PATRIMÔNIO LITERÁRIO
Chico Buarque ganha o Prêmio Camões 2019 pelo conjunto da obra
INOCÊNCIA
Polícia prende dupla por corrupção de menor e tráfico de drogas
JULGAMENTO
STF adia decisão sobre denúncia contra parlamentares do PP

Mais Lidas

ITAPORÃ
PM da reserva morre em acidente próximo a ponte do Rio Santa Maria
DOURADOS
Comissão vota contra o próprio parecer e Idenor se salva de cassação
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação