Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Em ato público, prefeito defende combate ao trabalho infantil

10 junho 2011 - 16h44

O prefeito Murilo Zauith participou na manhã desta sexta-feira do ato público para lembrar o Dia Mundial e Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, realizado na Praça Antônio João. Segundo ele, o trabalho infantil deve ser combatido de todas as formas possíveis. O município vem trabalhando com essas ações e pretende intensificar ainda mais, afirmou.



Uma das propostas para erradicar esse problema em Dourados é continuar em busca de escola em período integral. “Estamos implantando atividades no contraturno das aulas para oferecer às crianças, além do estudo normal em sala de aula, a prática de esportes, atividades culturais e de lazer”, comentou o prefeito.



Murilo disse que já comprou 2.200 vagas em academias e escolas, que vão oferecer para as crianças da Rede municipal de Ensino, a partir de agosto, diversas atividades esportivas e culturais. As aulas fazem parte dos projetos Palco para Todos e Proesporte, lançados na semana passada pelo Nace (Núcleo de Arte, Cultura e Esporte).



“Ainda é muito pouco para oferecer aos alunos do município, mas estamos trabalhando para aumentar essas vagas, pois lugar de criança é na escola, para que mais tarde seja um cidadão respeitado e digno”, frisou o prefeito. Ele conversou com as crianças do Peti (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) presentes ao evento. Em Dourados são cerca de 300 crianças incluídas no programa.



Segundo a secretaria de Assistência Social, Ledi Ferla, o objetivo da prefeitura é aumentar o número de famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Hoje em Dourados existem 13 mil famílias inscritas. De acordo com a secretária, o prefeito autorizou aumentar para 18 mil.

Um dos principais benefícios das famílias inscritas é a inclusão no programa Bolsa Família. Em Dourados são sete mil famílias beneficiadas.



Para a secretária, com o aumento de moradores incluídos no Cadastro Único, certamente mais famílias receberão o Bolsa Família. “Apesar das críticas, muitas pessoas não sabem o quanto essa renda é significativa para ajudar a retirar as crianças do trabalho e da situação de rua”, afirmou a secretária.



O ato público desta sexta-feira foi promovido pelas secretarias de Assistência Social e Educação, com apoio do Ministério do Trabalho e Emprego e Ministério Público do Trabalho.



Participaram a auditora fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego Maurita Sartori Gomes Ferreira, a procuradora do Ministério Público do Trabalho Cândice Gabriela Arósio, o Superintendente Regional do Trabalho e Emprego em Mato Grosso do Sul Anízio Pereira Tiago, o presidente da Câmara de Vereadores Idenor Machado, além dos secretários de Educação Walteir Betoni e de Finanças Walter Carneiro Júnior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Homem de 89 anos é nova vítima do coronavírus em Dourados
IVINHEMA
Mantida condenação de dono de animal que causou acidente com morte em rodovia
PANDEMIA
Com 92 casos confirmados, Maracaju registra primeiro óbito por Covid-19
PANDEMIA
Funcionários de frigorífico fazem protesto na fronteira com o Paraguai
FUTEBOL
Calendário do futebol nacional tem fim previsto para fevereiro de 2021
ORDEM DO DIA
Aprovado estado de calamidade em Bodoquena, Bela Vista e Terenos
POLÍCIA
Traficante foge e polícia apreende veículo com maconha e skunk
MUNDO NOVO
Homem é preso por descumprir medida protetiva e ameaçar ex-mulher com faca
ECONOMIA
Com 3.526 empresas abertas em seis meses, MS tem o melhor 1º semestre em sete anos
DOURADOS
Câmara de Dourados discute LDO 2021 durante audiência pública

Mais Lidas

DOURADOS
Decreto vai mandar fechar bares e academias por 10 dias
PANDEMIA
Comerciante de 45 anos é a 37ª vítima do coronavírus em Dourados
DOURADOS
Publicado, decreto que fecha bares e academias por 10 dias poderá ser prorrogado
DOURADOS
Após trégua, frio intenso deve voltar até o final de semana