Menu
Busca terça, 23 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Em ato público, prefeito defende combate ao trabalho infantil

10 junho 2011 - 16h44

O prefeito Murilo Zauith participou na manhã desta sexta-feira do ato público para lembrar o Dia Mundial e Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, realizado na Praça Antônio João. Segundo ele, o trabalho infantil deve ser combatido de todas as formas possíveis. O município vem trabalhando com essas ações e pretende intensificar ainda mais, afirmou.



Uma das propostas para erradicar esse problema em Dourados é continuar em busca de escola em período integral. “Estamos implantando atividades no contraturno das aulas para oferecer às crianças, além do estudo normal em sala de aula, a prática de esportes, atividades culturais e de lazer”, comentou o prefeito.



Murilo disse que já comprou 2.200 vagas em academias e escolas, que vão oferecer para as crianças da Rede municipal de Ensino, a partir de agosto, diversas atividades esportivas e culturais. As aulas fazem parte dos projetos Palco para Todos e Proesporte, lançados na semana passada pelo Nace (Núcleo de Arte, Cultura e Esporte).



“Ainda é muito pouco para oferecer aos alunos do município, mas estamos trabalhando para aumentar essas vagas, pois lugar de criança é na escola, para que mais tarde seja um cidadão respeitado e digno”, frisou o prefeito. Ele conversou com as crianças do Peti (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) presentes ao evento. Em Dourados são cerca de 300 crianças incluídas no programa.



Segundo a secretaria de Assistência Social, Ledi Ferla, o objetivo da prefeitura é aumentar o número de famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Hoje em Dourados existem 13 mil famílias inscritas. De acordo com a secretária, o prefeito autorizou aumentar para 18 mil.

Um dos principais benefícios das famílias inscritas é a inclusão no programa Bolsa Família. Em Dourados são sete mil famílias beneficiadas.



Para a secretária, com o aumento de moradores incluídos no Cadastro Único, certamente mais famílias receberão o Bolsa Família. “Apesar das críticas, muitas pessoas não sabem o quanto essa renda é significativa para ajudar a retirar as crianças do trabalho e da situação de rua”, afirmou a secretária.



O ato público desta sexta-feira foi promovido pelas secretarias de Assistência Social e Educação, com apoio do Ministério do Trabalho e Emprego e Ministério Público do Trabalho.



Participaram a auditora fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego Maurita Sartori Gomes Ferreira, a procuradora do Ministério Público do Trabalho Cândice Gabriela Arósio, o Superintendente Regional do Trabalho e Emprego em Mato Grosso do Sul Anízio Pereira Tiago, o presidente da Câmara de Vereadores Idenor Machado, além dos secretários de Educação Walteir Betoni e de Finanças Walter Carneiro Júnior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RURAL
Supersafra de grãos no Brasil deve passar de 240 milhões de toneladas
TELEVISÃO
Leo Dias desabafa e diz que amizade com Lívia Andrade acabou
TECNOLOGIA
IFMS divulga aprovados em cursos profissionalizantes em 11 cidades
SAÚDE
Anvisa deve votar nesta terça novo marco regulatório para agrotóxicos
CAMPO GRANDE
Idoso vai a Posto de Saúde para tomar vacina e desaparece
CENSO
IBGE encerra inscrições para vagas com salário de R$ 4,2 mil
EDUCAÇÃO
Unigran inicia as aulas do segundo semestre na proxima segunda-feira
ECONOMIA
Consulta Pública sobre tarifa do gás natural termina nesta terça-feira
POLÍTICA
Após polêmica com nordestinos, Bolsonaro irá à Bahia nesta terça-feira
CAMPO GRANDE
Homem que assassinou o tio durante briga é preso pela Polícia Civil

Mais Lidas

DOURADOS
Homem morre após bater moto em carro parado na Marcelino Pires
PORTO MURTINHO
Douradense é assassinado em sede de fazenda
SHOWBIZZ
Sertanejos morrem em acidente de carro em rodovia de São Paulo
DOURADOS
Homem sofre tentativa de homicídio ao ser baleado nas costas