Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Educadores rejeitam proposta, mas não paralisam aulas

23 maio 2011 - 08h47

Os Professores da Rede Municipal de Ensino na última sexta-feira (20) em assembléia decidiram negociar com a prefeitura, ao invés de iniciar a greve. No entanto, rejeitaram a proposta do executivo de um reajuste de 6% na regência de classe e a equiparação salarial com os da rede estadual de ensino no prazo de quatro anos.

Cerca de 200 professores participaram da assembléia para avaliação da proposta do executivo. O reajuste não foi aceito pelos educadores que reivindicam em torno de 9% e a equiparação dos salários da reme com a da estadual no prazo de três anos.


###Greve descartada

Na semana passada, os professores pensavam em aderir uma greve caso não fossem atendidos pelo executivo. Contudo, eles optaram em não fazer a paralisação e continuar a negociação com o executivo.

De acordo com a assessoria do Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores da Educação em Dourados), após a assembleia a decisão é de mobilização. Os educadores enviarão um comunicado as escolas e veículos de comunicação esclarecendo a situação. A mobilização será feita com outdoors e folhetos para que a população entenda o caso.

Ainda de acordo com a assessoria, o executivo ainda não pronunciou a respeito de uma nova negociação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
CPB promove camping virtual com jovens atletas de natação
REGIÃO
Corpo é encontrado no Rio Paraguai
DOURADOS
Entardecer faz temperatura cair 5°C em pouco mais de uma hora
PANDEMIA
Entre as 10 com mais casos de coronavírus em MS, cidade retomará aulas presenciais
ARTIGO
Desincompatibilização de servidores e nova data das eleições
MS
Pescadores são autuados em R$ 2,4 mil por irregularidades
COMER BEM
Coma saudável em Dourados e ainda ganhe 40% de cashback
COTAÇÃO
Dólar recua nesta sexta e fecha a R$ 5,31
TRAGÉDIA
Policial mata cinco da própria família e comete suicídio no Paraguai
BRASIL
IBGE mostra 83,5 milhões de ocupados na segunda semana de junho

Mais Lidas

DOURADOS
Decretos sobre aglomerações, igrejas e comércio terão mais 10 dias de vigência
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico
DOURADOS
Comerciante encontra homem morto ao chegar para abrir estabelecimento
20 VEÍCULOS
"Bonde do contrabando" é apreendido abarrotado de produtos do Paraguai