Menu
Busca segunda, 10 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

Dourados recebe cidades do Conesul para Seminário Ambiental

27 novembro 2012 - 08h10

A contribuição ao meio ambiente é fruto de um programa, entre a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) e a Concessionária Enersul, como forma de auxiliar a composição da paisagem das cidades.

Nesse protocolo, que desperta a atenção dos gestores públicos e da comunidade sobre a importância da arborização urbana para a qualidade de vida, tanto das pessoas como para a fauna e, até mesmo, para a própria flora, a Enersul promove Seminários de Educação Ambiental e distribui, anualmente, um lote de mudas para cada um dos, 73 municípios que compõem sua área de concessão.

Os eventos são realizados em pólos que reúnem municípios do entorno, com a finalidade de promover a multiplicação de conhecimento e a troca de informação, incluindo os aspectos relacionados à segurança. As atividades envolvem funcionários públicos dos setores de planejamento, urbanismo e meio ambiente.

Este ano, o Programa de Educação Ambiental já sensibilizou esses técnicos nas regiões Centro, Norte e Noroeste de Mato Grosso do Sul. Nesta terça-feira, dia 27 de novembeo, em Dourados, o Seminário reunirá , no auditório do Hotel Bahamas 32 cidades: Amambai, Angélica, Aral Moreira, Bataguassu, Baraiporã, Caarapó, Coronel Sapucaia, Deodápolis, Douradina, Eldorado, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Iguatemi, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jateí, Juti, Laguna Carapã, Maracaju, Mundo Novo, Naviraí, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paranhos, Ponta Porã, Rio Brilhante, Sete Quedas, Tacuru, Taquerussu e Vicentina, que fazem parte do Conesul.

O Programa existe há sete anos e neste período, além de conhecimento, ofertou mais de 100 mil mudas. São espécies recomendadas no Guia de Arborização da Enersul, uma publicação que resulta de criteriosa pesquisa, a fim de identificar e recomendar as árvores que tenham harmonia com o ecossistema cerrado, e um bom convívio com a fiação, diminuindo riscos de acidentes por choque elétrico e interrupção do fornecimento de energia. As mudas doados, anualmente, ficam disponíveis para plantio pelas próprias prefeituras, bem como, pelos moradores envolvendo também as crianças nas escolas para fortalecer a consciência sobre a necessidade de um futuro sustentável.

A Enersul entende que a arborização é um bem ambiental e, por isso, é importante para garantir o desenvolvimento ecologicamente equilibrado das cidades.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha em alta e sobe a R$ 3,92, com temores de desaceleração global
DINHEIRO PÚBLICO
Decreto torna mais rígida a tramitação de processos de licitação em Dourados
PANTANAL
Pedágio na ponte sobre o rio Paraguai é reajustado
CLIMA
Calorão continua e ultrapassa 35ºC em Dourados
DOURADOS
Vereadores prometem manter obstrução até cancelamento de eleição ser avaliado
BRASIL
Bolsonaro e Mourão são diplomados no TSE
CAPITAL
Incêndio atinge hotel no Centro de Campo Grande
EDUCAÇÃO
Abertas matrículas para tempo integral na Escola Capilé
BRASIL
AO VIVO: Assista a diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro
TRÁFICO
Polícia apreende mais de meia tonelada de maconha

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Idosa é espancada, esfaqueada e vai parar na UTI após assalto em Dourados
DOURADOS
Dupla é presa por tráfico de drogas na Vila Mariana
INVESTIGAÇÃO
Brasileira desaparecida na Austrália é encontrada morta em praia
DOURADOS
Criança morre no HV três dias após ser atropelada na Cachoeirinha