Menu
Busca quarta, 22 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
AVANÇAR CIDADES

União anuncia repasse de R$ 28 milhões para mobilidade urbana em Dourados

09 outubro 2019 - 09h54Por André Bento

Dourados foi um dos 11 municípios com projeto aprovado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional para financiamento de obras de mobilidade urbana. Ao todo, deve receber R$ 28.487.684,00 do Pró-Transporte (Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana), com recursos do setor público do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Destinada à contratação de obras de qualificação viária e elaboração de estudos e projetos, essa verba federal deve ser repassada por meio do Programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana. Dourados faz parte do grupo 1, composto por cidades com até 250 mil habitantes.

Conforme a Portaria nº 2.367, de 7 de outubro de 2019, divulgada no Diário Oficial da União com a seleção de propostas aprovadas, dos 14 municípios brasileiros contemplados nessa fase, a mais populosa cidade do interior de Mato Grosso do Sul tem o maior valor.

A publicação menciona que as propostas cumpriram as etapas de enquadramento prévio e validação pelo Agente Financeiro, a Caixa Econômica Federal, “considerando a Instrução Normativa n. 27, de 11 de julho de 2017, que regulamentou a reformulação do Programa e Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana (Pró-Transporte)”, e “a Instrução Normativa n. 28, de 11 de julho de 2017, que estabeleceu procedimento específico de enquadramento e seleção de proposta de operação de crédito no Avançar Cidades Mobilidade Urbana (Grupo 01), apresentada no âmbito do Programa Pró-Transporte”.

Além de Dourados, também tiveram propostas aprovadas os municípios de Iguatemi (R$ 5.000.000,00), em Mato Grosso do Sul, Capinzal (R$ 10.323.841,7), Rio do Sul (R$ 12.113.666,38 pelo BRDE), Três Barras (R$ 2.925.098,44, R$ 771.224,37, e R$ 947.556,65), e Turvo (R$ 4.731.570,00), em Santa Catarina, João Monlevade (R$ 1.049.724,75 e R$ 6.450.340,99), em Minas Gerais, Nonoai (R$ 4.251.250,00), no Rio Grande do Sul, Santa Lúcia (R$ 1.986.782,50) e São Mateus do Sul (R$ 7.556.932,03) no Paraná, e Vilhena (R$ 19.151.894,83), em Rondônia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Prefeitura promove mutirão de limpeza e serviços no Jardim Canaã 3
IGUATEMI
Após perseguição, PM apreende 1 tonelada de maconha em Ranger roubada
LEI ANTICRIME
Ministro do STF suspende juiz de garantias por tempo indeterminado
CASSILÂNDIA
Mulher de 67 anos é a quarta vítima da dengue do ano em MS
FUTEBOL
Grêmio vence o Oeste e confirma Gre-Nal na decisão da Copa São Paulo
ASSALTO EM DOURADOS
Bandidos colocam arma na cabeça de idosa e depois pedem desculpas
SONORA
Homem morre e outro fica ferido após colisão de carros na BR-163
PROCESSO SELETIVO
Simted Dourados vai à Justiça por direitos constantes no PCCR
PEDRO JUAN
Dois que fugiram da cadeia do Paraguai são capturados em chácara
UFGD
HU de Dourados vai implantar visita aberta de bebês em internação

Mais Lidas

UFGD
Aluna branca aprovada em Medicina como indígena aponta engano na inscrição
EMPREGO
Empresa abre 136 vagas para classificadores de grãos em Dourados e região
POLÍCIA
Mulheres são presas com malas ‘recheadas’ de maconha no Jardim Santo André
POLÍCIA
Participante de fuga em massa no Paraguai é recapturado em MS