Menu
Busca sábado, 25 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
DOURADOS

Délia revoga nomeação de coordenadora da intervenção na Funsaud

23 agosto 2019 - 10h57Por André Bento

A prefeita Délia Razuk (sem partido) revogou trecho de decreto que nomeava Maria Izabel de Aguiar coordenadora geral da intervenção na Funsaud (Fundação dos Serviços de Saúde de Dourados). A fundação está sob comando direto da prefeitura desde 13 de junho por causa de crise financeira agravada por dívidas superiores a R$ 21 milhões.

Publicado em edição suplementar do Diário Oficial do Município desta sexta-feira (23), o Decreto nº 2.064 de 22 de agosto de 2019 altera redação de dispositivos do Decreto nº 1.889 de 11 de junho que dispõe sobre a Intervenção Municipal na Fundação de Serviços de Saúde de Dourados.

Além de revogar a nomeação de Maria Izabel, também revoga o § 2º do art. 3º do Decreto nº 1.889 de 11 de junho de 2.019, que delegava à coordenadora geral o poder de assinar todos os atos administrativos de gestão da intervenção juntamente com o Interventor, que é a secretária municipal de Saúde, Berenice de Oliveira Machado Souza.

Nessa mesma edição do Diário Oficial do Município, a prefeita também exonerou Sandra Maria de Lima do cargo de Diretora Administrativa da Fundação de Serviço de Saúde de Dourados, símbolo DEC 01.

Ao mesmo tempo, nomeou para essa função Mateus Tavares Fernandes, que ocupava cargo de provimento em comissão de “Diretor de Departamento”, símbolo “DGA-3”, lotado na Secretaria Municipal de Saúde.

Criada em 2014 para administrar o Hospital da Vida e a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), a Funsaud tornou-se alvo de intervenção por causa da crise financeira e “iminente perigo público de interrupção do atendimento clínico oferecido pelas unidades”.

Com o decreto de 13 de junho que delegou à secretária municipal de Saúde o papel de interventora, o município assumiu a responsabilidade sobre as movimentações financeiras, administrativas e operacionais da fundação, como: gestão das unidades de saúde Hospital da Vida e Upa; controle dos recursos financeiros, estruturais e humanos da fundação; e assinatura e rescisão de contratos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem é atacado por pitbull em praça quando brincava com os filhos
TRÁFICO DE DROGAS
Cocaína apreendida em Ponta Porã seria levada para Brasília
BRASIL
Vale considerava 7 barragens mais críticas que a de Brumadinho
DOURADOS
Após quatro dias, homem procura polícia para registrar roubo de bicicleta
INVESTIGAÇÃO
Populares encontram corpo com sinais de espancamento na Capital
REGIÃO
DOF intercepta comboio com produtos contrabandeados
PARQUÍMETRO
Lei isenta grávidas de pagar estacionamento rotativo em Dourados
MS
Homem é acusado de colocar sedativo no leite para abusar de enteada
PROJETOS
Agepen anuncia R$ 2 milhões para ressocialização de presos em Dourados e na capital
DOURADOS
Designação para escolas e Ceim’s acontece neste sábado

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Pai e filha moradores de Dourados morrem em acidente no Paraná
DOAÇÃO
Órgãos captados em Dourados vão salvar vidas em três Estados
TRÁFICO
‘Espaço de lazer’ em Dourados era usado para guardar drogas e abrigar fugitivos
DOURADOS
Assassinato na Vila Rosa aconteceu por ciúmes durante manutenção em porta