Menu
Busca sábado, 24 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221

Confirmada nova rota de linha aérea para Dourados

10 dezembro 2003 - 11h02

A TRIP Linhas Aéreas, empresa do Grupo Caprioli, de Campinas, no interior de São Paulo, deve inaugurar um vôo ligando as cidades de Dourados e Campo Grande a Curitiba, no Paraná, a partir de março do ano que vem. Essa tentativa de facilitar o acesso dos empresários locais ao mercado nacional foi confirmada hoje cedo pelo diretor de Projetos da Associação Comercial e Industrial de Dourados (ACID), Ademar Ferreira. A TRIP vai colocar em operação a aeronave Brasília com capacidade para 30 passageiros.A empresa iniciou atividades em 1998, com fretamento industrial, mas já em 1946 era lançada a Viação Lira, empresa de transporte urbano. O grupo Caprioli conta com aproximadamente 1500 funcionários, 620 ônibus e as empresas Viação Caprioli Ltda., Viação Boa Vista Ltda., Viação Lira Ltda., Viação Rosa dos Ventos Ltda., Transportes Capellini Ltda., Caprioli Turismo, 3P - Serviços Técnicos Aeroportuários e a TRIP Linhas Aéreas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSEMBLEIA
Seminário sobre regularização fundiária urbana é o destaque da semana
LOTERIA
Apostas para a Dupla de Páscoa já podem ser feitas
PM E BOMBEIROS
ACS elege novo presidente em MS
ESTADO
Começa em abril inventário de plantas e solo do Cerrado de Mato Grosso do Sul
Veículos roubados que seriam levados para o Paraguai são recuperados
BRASIL
Conta-salário poderá ser transferida para instituições não financeiras
RECOMENDAÇÃO
Prefeito vai revogar doação de área a Arquidiocese de Campo Grande
MS/PR
Assaltantes se escondem em pântano e acabam presos
ESTADUAL
Federação adia fim da primeira fase após ajuste de tabela
BANDEIRANTES
Motociclista morre após ser atingido por ônibus

Mais Lidas

ERRO
Diário Oficial traz convocação de três “fulanos”
NOVO HORIZONTE
Foragido da Justiça é preso após trocar tiros com policiais em Dourados
ABUSO
Adolescente denuncia o próprio pai por estupro em Dourados
DOURADOS
Polícia desarticula grupo que planejava furto a agência dos Correios