Menu
Busca sexta, 22 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Comitê da Setas entrega documentos aos indígenas de Dourados

16 junho 2011 - 09h15

O Comitê Gestor Estadual para Erradicação do Sub-Registro Civil de Nascimento e Ampliação do Acesso à Documentação Básica (CEESRAD/MS), vinculado à Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas) realiza no próximo sábado e domingo (18 e 19), à partir das 8 horas, no município de Dourados, a entrega dos documentos aos indígenas das aldeias Bororó e Jaguapirú.

Com a presença da ministra dos Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário Nunes e da secretária de Trabalho e Assistência Social, Tania Mara Garib, a ação dentro do projeto conhecido como “Cidadania, Direitos de Todos” vai entregar os documentos dos índios que foram cadastrados pelo Comitê em ação realizada no mês de abril.

Neste período, foram feitos 8.559 atendimentos e destes, 7.725 não tinham sequer registro civil de nascimento. Os índios foram devidamente cadastrados e identificados para o acesso aos documentos básicos, como direito de todo cidadão.

Nesta ação serão entregues os registros civis solicitados e também serão emitidos 1.714 CPFs, 892 Carteiras de Trabalho e 600 RGs, além dos 500 atendimentos que serão realizados para retificação de documentos pela Defensoria Pública, Ministério Público Estadual e do Fórum da comarca de Dourados.

O projeto promove a entrega de documentação em parceria com a Prefeitura Municipal de Dourados, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), além de todos os órgãos que compõem o Comitê. Ação semelhante foi realizada pelo Comitê, nos dias 3 e 4 de junho, no município de Ponta Porã, onde os parceiros estiveram mobilizados para que todos os indígenas cadastrados e que fossem brasileiros, recebessem pelo menos um documento civil.

###Comitê

Compõem o Comitê a Defensoria Pública Estadual (DPE), Tribunal de Justiça/Corregedoria de Justiça, Receita Federal, Secretaria de Estado de Educação (SED), Secretária de Estado de Saúde (SES), Fundação do Trabalho (Funtrab), Assembléia Legislativa, Coordenadoria da Mulher, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Comando Militar do Oeste, Associação dos Cartorários e Registradores de MS (Anoreg), Marinha do Brasil, Polícia Militar Ambiental (PMA), Coordenadoria de Políticas da Promoção da Igualdade Racial (CPPIR), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Fundação Nacional do Índio (Funai), Ministério Público Estadual (MPE), Instituto Nacional de Reforma Agrária (Incra) e Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai).

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Justiça autoriza quebra dos sigilos fiscal e bancário de Ricardo Salles
EDUCAÇÃO
Dourados terá 13 locais de prova para o Vestibular da UFGD no domingo
MAIS CARO
Petrobras reajusta preço do gás de cozinha em 4%
JUSTIÇA
Incorporadoras devem pagar IPTU até imissão na posse do comprador
TRÊS LAGOAS
Mulher foge de posto de saúde e denuncia marido por cárcere privado
ACORDOS
Tribunal de Justiça realizará Mutirão do DPVAT em 2020 com 13 trajetos
CORGUINHO
Suspeita de integrar “quadrilha do chapéu”, mulher é presa em táxi
LAVA JATO
Cármen Lúcia manda TRF4 soltar presos por condenação em 2ª instância
CAPITAL
Homem que morreu afogado na cachoeira Céuzinho tinha 32 anos
ECONOMIA
Leve+ SuperAtacado inaugura em Sidrolândia

Mais Lidas

DOURADOS
Carro desgovernado faz 'strike' em motociclistas na avenida Indaiá; veja vídeo
ACIDENTE
Vídeo mostra momento em que helicóptero cai na fronteira; confira
FRONTEIRA
Helicóptero que retornava de operação cai em Pedro Juan Caballero
POLÍCIA
Após ter perdido olho em agressão, homem procura polícia para denunciar tentativa de homicídio no Flórida