Menu
Busca quinta, 19 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Comissão Especial vai debater consumo de álcool nas aldeias indígenas

18 maio 2011 - 14h43

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB-MS), presidente da Comissão Especial da Câmara quer analisa os efeitos do consumo abusivo de bebidas alcoólicas, teve proposta de audiência pública sobre alcoolismo nas aldeias indígenas aprovada em reunião do colegiado. A audiência, em data ainda a ser definida, vai debater “as causas e consequências do consumo abusivo de álcool nas aldeias indígenas e, especialmente, as razões que determinam o aumento exponencial do consumo dessa substância nos últimos anos".

Geraldo também propôs, em requerimento, que sejam convidados especialistas e autoridades para participarem da audiência pública na Comissão Especial.

Serão convidados o psiquiatra Juberty Antônio de Souza, professor da Faculdade de Medicina da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Karina Panhos, responsável pelo programa da saúde mental do Distrito Sanitário Especial de Saúde Indígena do Alto Solimões, e o médico Zelik Trajber, chefe das Equipes Multidisciplinares do Distrito Sanitário Especial de Saúde Indígena em Mato Grosso do Sul.

O deputado propôs, ainda, que seja convidado o diretor do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), Orlando Moreira da Silva, que também é presidente o Contran (Conselho Nacional de Trânsito), para falar na audiência Pública sobre os efeitos do consumo de bebidas alcoólicas no trânsito.

Outros especialistas também serão convidados para a audiência, por sugestão dos demais integrantes da Comissão Especial para abordagens sobre o impacto do alcoolismo na saúde pública.

O deputado Vanderlei Macris, por exemplo entre outras sugestões, propôs a participação da médica Cecília P. Roselli Marques, psiquiatra e pesquisadora da Unidade de Álcool e Drogas (UNIAD) da Unifesp, para falar sobre prevenção e tratamento de pessoas dependentes do consumo de bebida alcoólica; além de Marcos Zalesky, psiquiatra e professor da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina), que abordará o aumento da violência em razão do consumo abusivo de bebida alcoólica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Programa de Prevenção e Controle do Complexo teníase – cisticercose é criado em MS
PORTUÁRIO
Grupo quer ajuda do Estado para construir novo terminal em Porto Murtinho
EDUCAÇÃO
Alteração de dados no Fies: tire suas dúvidas
CAPACITAÇÃO
IEL apresenta a empresários soluções em gestão e treinamento de lideranças
OPERAÇÃO ECHELON
Facção tem "casa de apoio" para presos em MS
FRONTEIRA
Inquérito vai apurar qualidade da água fornecida para a população de Coronel Sapucaia
ECONOMIA
Soja responde por 16% das exportações brasileiras no semestre
SAÚDE
Apesar de "ambiente seguro", populares devem se alertar contra o sarampo em Dourados
CAMPO GRANDE
Escola Senai da Construção oferece 210 vagas em 5 cursos gratuitos
BRASILEIRÃO
Clássicos paulista e carioca são destaques de encerramento da rodada nesta quinta

Mais Lidas

DOURADOS
“Aqui é PCC!”, disseram atiradores que mataram dupla
DOURADOS
Maconha apreendida em caminhão e casa no Água Boa totalizou mais de 4,3t
CAMPO GRANDE
Douradense é preso acusado de ser mandante de tentativa de roubo de avião
PONTA PORÃ
Jovem diz que recebeu 25 kg de maconha como pagamento por sexo