Menu
Busca quarta, 21 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Com folha de R$ 21 milhões, prefeitura reajusta salários de servidores em 4,17%

16 julho 2019 - 11h56Por André Bento

A Prefeitura de Dourados tornou público nesta terça-feira (16) o reajuste salarial linear concedido para servidores da administração direta e indireta do município, válido a partir de 1º de julho. Com uma folha líquida de R$ 21 milhões em junho, o Executivo municipal precisou escalonar os pagamentos e deixou parte do funcionalismo sem receber na data estabelecida em lei, o quinto dia útil do mês.

Publicada na edição de hoje do Diário Oficial do Município, a Lei Complementar nº 372, de 09 de julho de 2019, os vencimentos de cargos em comissão passam a variar de R$ 1.397,01 nos casos de DGA-07, até R$ 9.663,15 para DGA-01.

Na diretoria-executiva do Previd (Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados), os salários vão de R$ 5.131,74 para diretores financeiro, de benefício e administrativo, até R$ 9.663,15 ao diretor-presidente.

Para a Procuradoria-Geral do Município, os vencimentos vão de R$ 7.685,64 até R$ 15.113,78, entre as referências A e I e classes 3ª e especial.

Dos cargos em comissão da Procuradoria Geral, os proventos vão de R$ 2.525,77 (CAJ-04) para R$ 7.465,93 (CAJ-01).

Categorias com direito a adicional por produtividade, fiscal de tributos municipais inicia a carreira com R$ 5.280,09 e chega ao topo dela com R$ 9.482,37 de proventos, e auditor fiscal de tributos municipais de R$ 7.040,12 a R$ 12.643,16.

Na Guarda Municipal, o vencimento mínimo é de R$ 2.393,09 (Guarda 3ª Classe referência A) e o maior de R$ 10.941,04 (Inspetor Geral referência I). Para essa mesma categoria, há uma tabela em extinção com salários que vão de R$ 3.58,43 até R$ 12.284,73.

Na educação, profissional do magistério municipal com carga horária de 20 horas semanais pode ter proventos de R$ 1.300,66 a R$ 4.520,64.

Especialista em educação com carga de 40 horas por semana pode ganhar de R$ 4.977,64 até R$ 9.059,29. E profissional da educação infantil ensino superior consta com salários entre R$ 4.106,55.

No caso de agente de apoio educacional com ensino fundamental completo, os proventos podem variar de R$ 1.084,59 a R$ 4.716,76. Esses mesmos valores valem para auxiliar de apoio educacional, para agente de serviços educacionais, e para auxiliar de serviços agropecuários, todos com mesmo grau de escolaridade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SETEMBRO
Grupo traz terapias diversas a preço acessível em Dourados, no dia 07
DOURADOS
Vigilância Sanitária notifica Funsaud e pode interditar setores do HV por mofo em paredes
BRASIL
Banco Central vende dólares das reservas pela primeira vez em dez anos
IVINHEMA
Motorista fura dois bloqueios policiais, foge e abandona carro com mais de 700kg de maconha
59 ÓBITOS
Saúde confirma mais uma morte por gripe em MS
LEGISLATIVO
ALMS derruba veto e projeto que beneficia mesários vai à promulgação
EDUCAÇÃO
Prova do Encceja será no dia 25 de agosto; veja passo a passo para consultar locais
OPORTUNIDADE
TVE Cultura reúne setor audiovisual de MS e anuncia edital de R$ 6 milhões para produções
BRASIL
União pode bloquear repasses voluntários a estados, decide STF
DOURADOS
Denúncia contra vereadores é por tráfico de influência em projetos habitacionais

Mais Lidas

ESTUPRO
Homem é preso após dormir com a namorada de 11 anos
DOURADOS
Ladrão é preso acusado no furto de carro, R$ 30 mil em joias e eletrônicos
CAARAPÓ
Colisão frontal entre carretas deixa um morto na BR-163
POLÍCIA
Integrante de quadrilha especializada em roubo à famílias é apresentado pelo SIG