Menu
Busca quarta, 17 de julho de 2019
(67) 9860-3221
SERVIDORES EM GREVE

HU limita atendimento e diminui exames laboratoriais

13 junho 2015 - 07h15

O atendimento no HU (Hospital Universitário) de Dourados tem sido limitado por conta da greve dos servidores iniciada no dia 29 de maio e partir da próxima semana os serviços de laboratório e de imagem também ficarão escassos. No local, várias repartições funcionam parcialmente e permanecem em atividade os setores Materno-Infantil (Maternidade, Ginecologia e Obstetrícia, Centro Obstétrico e Pediatria), das UTIs (Adulto, Pediátrica e Neonatal) e da Unidade de Cuidados Intermediários (UCI).

Na unidade de saúde que costuma atender sempre no limite da capacidade por ser responsável por Dourados e cidades da região, há leitos vagos nos postos de internação já que não é possível encaminhar devidamente os pacientes com a falta de profissionais.

“Em função da redução da força de trabalho, a Clínica Médica que possui 50 leitos, está com 17 leitos vagos, pois não há como dar atendimento adequado a todos os pacientes”, destacou a assessoria de comunicação da unidade de saúde.

Outra demanda que foi reduzida no HU foi a de procedimentos cirúrgicos. Os pacientes que necessitam de cirurgias que não possuem caráter emergencial terão que aguardar mais tempo por conta da redução da força de trabalho.

“As cirurgias eletivas deixaram de ser agendadas desde o dia 8 (segunda-feira) e apenas as que já estavam marcadas estão sendo realizadas. Desta forma, a realização deste tipo de procedimento será reduzida significativamente nas próximas semanas”, pontuou a assessoria.

O atendimento ambulatorial segue normalmente, pois, nesta área as secretárias são terceirizados e não participam do movimento.

Os servidores que estão em greve no HU participam da ação junto a técnicos administrativos da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) por melhores condições de trabalho. Esse movimento segue ato de mobilização a nível nacional.

Dentre as principais reivindicações da categoria estão reajuste salarial o reposicionamento dos aposentados e pensionistas na categoria, nova carga horária de trabalho.





Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
De biquíni em Paraty, Mariana Ximenes suspira: "Pode já querer voltar?"
CAPITAL
Esposa de defensor público é encontrada morta em residência
POLÍCIA
Vítima de tiro do pai, estudante presta depoimento e diz que vai embora
TJ/MS
Coordenadora da Mulher debate violência de gênero em Genebra
BELA VISTA
Trabalhador procura polícia para denunciar trabalho escravo em carvoaria
STF
Decisão de Toffoli paralisa inquéritos de lavagem, diz Chefe da Lava Jato
PORTO MURTINHO
Homem disse que acordou com onça pintada nas costas, diz médico
NAVIRAÍ
Ladrões que invadiram casa de vereadora e roubaram joias são presos
BRASIL
Lista do Não me Perturbe já tem mais de 600 mil pessoas cadastradas
CAMPO GRANDE
Homem é executado com três tiros no interior de veículo

Mais Lidas

DOURADOS
Coordenadora de Ceim é exonerada e pais fazem abaixo-assinado para tentar mantê-la
POLÍCIA
Investigação vê indícios de relação entre homicídios no Jardim Pantanal e Guanabara
DOURADOS
Assassinado em conveniência já cumpriu pena por tráfico e lavagem de dinheiro
DOURADOS
Upiran entrega carta de demissão a Délia e aguarda substituto para deixar Educação