Menu
Busca segunda, 16 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Cinquenta e oito idosos receberam carteiras para passagem interestadual

27 maio 2011 - 10h25

O acesso de idosos à gratuidade ou ao desconto de, no mínimo, 50% no valor das passagens interestaduais – ônibus, trens ou barcos – é um direito garantido pelo Estatuto do Idoso. Pela legislação, no sistema de transporte coletivo interestadual, as empresas reservarão duas vagas gratuitas por veículo para idosos com renda igual ou inferior a dois salários mínimos.

De 2007 até hoje, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), por meio das secretarias municipais de Assistência Social, emitiram cerca de 393 mil Carteiras do Idoso, instrumento de acesso à gratuidade e ao desconto nas passagens.

No Brasil, até hoje, mais de 393 mil carteirinhas foram emitidas para pessoas com 60 anos ou mais e renda de até dois salários mínimos.

###Dourados

Em Dourados, até o mês de maio 58 carteiras foram emitidas. O documento deve ser gerado pelas secretarias municipais apenas para pessoas com 60 anos de idade ou mais e que não tenham como comprovar renda individual igual ou inferior a dois salários mínimos.

Para as carteirinhas intermunicipais é necessário ter 65 anos. De acordo com a Secretaria de Assistência Social, 420 carteiras foram emitidas no ano passado de janeiro a dezembro.

A carteirinha tem validade de dois anos, contados a partir da data de expedição, em todo território nacional. Quando não há mais vagas gratuitas, o beneficiário pode ter desconto de, no mínimo, 50% sobre o preço das passagens.

De acordo com o MDS, a participação dos órgãos gestores da assistência social na promoção do acesso ao benefício tarifário a idosos sem meios de comprovação de renda está amparada no Decreto nº 5.934/06, onde são estabelecidos mecanismos e critérios para aplicar os dispositivos do estatuto.

###Passo a passo

Para a emissão da Carteira do Idoso, o interessado deve procurar a secretaria municipal de Assistência Social. O idoso será incluído no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e vai receber o Número de Identificação Social (NIS). As carteiras são emitidas pelas secretarias, de acordo com modelo elaborado pelo MDS.

Pelo decreto de 2006, para ter direito ao desconto de, no mínimo, 50% no valor das passagens, o idoso deverá adquirir o bilhete de passagem obedecendo aos seguintes prazos: com, no máximo, seis horas de antecedência para viagens com distância de até 500km; com, no máximo, 12 horas de antecedência para viagens com distância acima de 500km.

As pessoas que têm como comprovar renda não necessitam da Carteira do Idoso para ter acesso às passagens interestaduais gratuitas ou ao desconto. Basta apresentar o comprovante de renda e o documento de identidade.


Deixe seu Comentário

Leia Também

SEXY
Viviane Araújo arrasa em ensaio só de lingerie transparente
AMAMBAI
Ciclista fratura cabeça em queda e morre no meio da rua
DOURADOS
PF ministra curso de direção operacional a novos guardas
LEGISLATIVO DE MS
De recesso nas sessões ordinárias, AL faz homenagem ao líder da Sukyo Mahikari
DOURADOS
Celular roubado no ano passado é recuperado próximo a Ceim
BARBÁRIE
Mulher é morta a facadas em Amambai
REGIÃO DO PANTANAL
Vacinação contra febre aftosa termina nos próximos dias
ÉÉÉ CAMPEÃOOO
França bate Croácia e fica com o bi mundial
SAÚDE
Saiba como se prevenir contra as doenças do inverno
UFGD
Inscrições de trabalho para Encontro de pesquisadores terminam hoje

Mais Lidas

RESIDENCIAL BONANZA
Homem atropela casal em Dourados após ser contrariado
DOURADOS
Homem é atropelado após “roletar” avenida com bicicleta motorizada
MS-156
Rapaz morre após ser atropelado duas vezes em rodovia
PEDRO JUAN
Troca de tiros deixa 3 pessoas feridas na fronteira