Menu
Busca quinta, 19 de abril de 2018
(67) 9860-3221
DOURADOS

Campanha Saindo do Sufoco dobra número de atendimentos no Procon

21 setembro 2017 - 17h35

A campanha Saindo do Sufoco, promovida em Dourados pelo Procon (Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor), tem apresentado atendimento maior do que a expectativa, segundo a direção do órgão. Promovida para os consumidores da cidade, a campanha visa estabelecer oportunidade para renegociar débitos e realizar acordos com vantagens em descontos dos juros e multas, de acordo com as regras dos contratos efetuados, junto aos credores.

O Procon é um órgão ligado à Procuradoria Municipal e, assim como outras campanhas de renegociação de débitos promovidas pela Prefeitura de Dourados, tem por principal objetivo contribuir com o cidadão que quer ‘limpar o nome’.

Segundo Lenilson Almeida da Silva, diretor interino do Procon/Dourados, os atendimentos realizados no local tiveram um acréscimo em virtude da campanha e fortalecem os objetivos da ação, que são contribuir na diminuição do índice de inadimplência, fortalecer o comércio e economia, e destacar aos cidadãos a importância da ‘saúde financeira’.

"Tivemos em média 30 atendimentos por dia no começo do mês e, com o início da campanha, no dia 11, estes números subiram para em torno de 60", informou, relatando mais de 200 atendimentos no contexto da campanha.

"O foco principal da ação é receber as pessoas que estão interessadas em quitar os respectivos débitos e acionar as instituições financeiras para instituir esta mediação", explicou Lenilson. Em 2017, segundo o diretor, além da renegociação com instituições financeiras e o comércio local, serviços essenciais como fornecimento de água, energia e telefone também entraram no rol de atendimentos possíveis na campanha.

No primeiro ano da ação, em 2015, foram 15 dias de atendimento com a realização de 400 atendimentos. No ano passado, foram 200 pessoas que procuraram o órgão no contexto da campanha. Em 2017, serão outros 15 dias e a expectativa, agora, é de que seja alcançado o número da primeira edição. Segundo o órgão, nos primeiros 21 dias de setembro foram 408 atendimentos na sede do Procon.

A prefeita Délia Razuk parabenizou o órgão por manter a atividade que vem dando certo. Segundo ela, a administração precisa de ações positivas e a crise atinge todos os segmentos da sociedade. "Proceder com campanhas de recuperação e educação financeira também é gestão de compromisso, de preocupação com as pessoas e para crescimento do município", destacou.

Para proceder com a participação na campanha Saindo do Sufoco, os consumidores precisam comparecer ao Procon entre 7h e 13h, munido de documentos pessoais e qualquer documento que faça referência à dívida em questão. "Temos nos desdobrado para atender a demanda. Dentro do atendimento, também orientamos os consumidores com dicas para evitar o superendividamento", disse. Iniciada no dia 11, Saindo do Sufoco segue até o próximo dia 29.

NÚMEROS

De 1 de janeiro até o dia 21 de setembro deste ano, o Procon realizou 5.253 atendimentos em Dourados. Destes, a maioria relativa aos serviços essenciais (água, luz e telefonia), representando 2.074 atendimentos. Os assuntos financeiros seguem em segundo lugar, com 1.362 atendimentos. Produtos (908) e serviços privados (638) completam os primeiros quatro quesitos mais acionados.

Em relação às reclamações, incluídas no número total de atendimentos, são 1.358 registros. Destes, três áreas seguem com números equiparados, sendo 400 reclamações em relação a produtos, 324 sobre assuntos financeiros e 306 em relação a serviços essenciais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EVENTO
UFGD convida estudantes para Diálogos sobre Assistência Estudantil
NOVA ANDRADINA
Acidente com linha de cerol deixa motociclista gravemente ferida
JUSTIÇA
Paciente ganha direito de fazer exame para tratamento de câncer
ITAPORÃ
Ciclista atropelado na MS-156 era morador em Dourados
ECONOMIA
Dólar fecha em alta e volta a encostar em R$ 3,40
O dólar fechou em alta nesta quinta-feira (19), voltando a se aproximar de R$ 3,40, após cair por três dias consecutivos. O dia foi marcado pela agenda esvaziada, o que jogou a atenção dos investidores para a cena política local.
TRÁFICO DE DROGAS
Acampamento ‘distribuidor’ de droga é destruído na fronteira
CAMPO GRANDE
Feto abandonado em quintal de residência é alvo de investigação da polícia
CARGA TRIBUTÁRIA
Simplificação do PIS/Cofins deve ir ao Congresso em maio, diz ministro
FACILIDADE
Banco Central estuda criar sistema de pagamento instantâneo
BARBÁRIE
Tio e sobrinhos são condenados em mais de 55 anos de prisão por matar homem a pedradas

Mais Lidas

ITAPORÃ
Mortos em troca de tiros após assalto eram de Dourados
SEGURANÇA PÚBLICA
Em comunicado, PCC convoca integrantes para “alerta geral”
TENSÃO EM MS
Presos tentam impedir pente-fino na PED, mas agentes fazem ‘limpa’
DOURADOS
Após invadir Ceim, dupla ameaça vigia de morte e rouba equipamentos