Menu
Busca segunda, 24 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
projeto, câmara municipal, apoiadora

Câmara Municipal de Dourados é apoiadora do projeto MPEduc

08 julho 2015 - 12h07

A Câmara de Vereadores de Dourados será uma das instituições apoiadoras do projeto MPEduc (Ministério Público pela Educação), que começa a ser desenvolvido neste semestre pelo MPF (Ministério Público Federal) e MPE/MS (Ministério Público do Estadual) na região da Grande Dourados.

Nesta terça-feira, dia 07 de julho, os vereadores de Dourados receberam a visita dos promotores públicos Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa, Luiz Gustavo Camacho Terçariol, Eteldes Brito M. Dias Júnior, Juliano Albuquerque, Cláudia Almirão e Eduardo F. de Rose, que visitaram no Legislativo para apresentar o projeto de âmbito nacional que pretende debater a qualidade do ensino básico nas escolas públicas sul-mato-grossenses. O projeto conta ainda com a participação do procurador república Pedro Gabriel Gonçalves.

Os promotores públicos foram recepcionados pelo presidente da Câmara de Dourados Idenor Machado (DEM), confirmou no encontro a cedência do plenário da Casa e de toda equipe de apoio da Câmara para a realização da primeira audiência pública do MPEduc no município, que acontece no próximo dia 25 de agosto. “Mais uma vez a Câmara se coloca como parceira do Ministério Público por entender a relevância do projeto e a importância de se discutir ações que culminem com a melhora da qualidade da educação em nossa cidade e em todo o país”, destacou Idenor.

O MPEduc, já implementado em outros Estados do país, começa, neste ano, a ser executado em Mato Grosso do Sul. O projeto, inicialmente a ser realizado nas instituições públicas de ensino da região da Grande Dourados, objetiva melhorar os serviços prestados à população e o desempenho das escolas no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica).


###MPEduc
O MPEduc é um projeto nacional do Ministério Público Brasileiro. Voltado para a educação básica, o projeto, por meio de série de ações, visa acompanhar a execução de políticas públicas educacionais e a aplicação de verbas nas escolas. O projeto inclui a visitação nas unidades de ensino, realização de audiências públicas, análise dos conselhos de educação, expedição de recomendações e o esclarecimento da população sobre o direito à educação de qualidade.

Em Mato Grosso do Sul, o projeto inicia pelos municípios da Grande Dourados: Anaurilândia, Angélica, Bataiporã, Caarapó, Deodápolis, Douradinha, Dourados, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Itaporã, Ivinhema, Maracaju, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Rio Brilhante, Taquarussu e Vicentina e tende a ser implementado também nas outras regiões do Estado.



Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Luisa Sonza relata críticas após procedimento: 'Acharam feio'
MEDIDA
ANP vai fazer consulta para substituir GNL importado por gás doméstico
LADÁRIO
Três pessoas ficam feridas em capotagem de carro
INVESTIGAÇÃO
Polícia Federal reforça versão de que agressor de Bolsonaro atuou sozinho
CAPITAL
Carreta tomba com 27 toneladas de agrotóxico
POLÍTICA
Temer viaja a Nova York para participar da Assembleia Geral da ONU; Toffoli assume Presidência
PONTA PORÃ
PM recebe solicitação por desentendimento familiar e captura foragido
CAPITAL
Homem é encontrado morto com tiro na cabeça
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 42kg de maconha e skank após fuga de condutor
BRASIL
Multas por uso de celular ao volante crescem 33% em 2018

Mais Lidas

DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
TEMPORAL
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital
POLÍCIA
Homem sofre tentativa de homicídio em Dourados