Menu
Busca terça, 19 de junho de 2018
(67) 9860-3221

Câmara de Dourados realiza última sessão ordinária de 2003

09 dezembro 2003 - 12h53

A Câmara Municipal de Dourados realiza hoje, a partir das 18h30, a última sessão ordinária de 2003. Na próxima segunda-feira, doa 15 de dezembro, o Legislativo municipal entra em recesso. A exemplo do que aconteceu no ano passado, a Prefeitura deverá convocar pelo menos três sessões  extraordinárias, para votação de Projetos do executivo como:o novo Código Tributário de Dourados. A reformulação do código, a primeira em 25 anos de existência das regras tributárias municipais, já está tramitando nas comissões internas da Câmara. Os vereadores vão receber pagamento extra, o chamado “jeton”, pelas sessões convocadas pelo prefeito. Hoje à noite, a Câmara deverá realizar a segunda votação do Orçamento de 2004. Como a proposta orçamentária depende de três votações, o presidente da Câmara, José Carlos Cimatti (PFL), deverá convocar pelo menos uma sessão extraordinária para aprovar o Orçamento de 2004. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018
Cadastro para atuar como Mesário Voluntário está aberto
PISO SALARIAL
Professor de Dourados ganha quase o dobro do nacional, garante prefeitura
LAVA JATO
STF começa julgamento de ação penal contra Gleisi e Paulo Bernardo
IMUNIZAÇÃO
A três dias do fim, campanha de vacinação contra a gripe ainda precisa alcançar 10,8 milhões de pessoas
FUTEBOL
Senegal aproveita bobeiras da Polônia e vence em Moscou
INCLUSÃO
Lei inclui servidores de ex-territórios nos quadros da União
LEGISLATIVO DE MS
Projeto obriga hospitais e maternidades a orientar pais para primeiros socorros
BRASILEIRÃO
Dois jogos abrem rodada da Série B nesta terça
DOURADOS
Bombeiros são acionados para combater incêndio na Linha do Potreirito
EDUCAÇÃO
ProUni oferece 174 mil vagas; inscrições começam dia 26

Mais Lidas

PARANHOS
Testemunha de atentado a prefeito é executada
SOLIDARIEDADE
Douradense busca ajuda para conseguir manter a família
DOURADOS
Polícia fecha boca de fumo e prende homem no Clímax
PARANHOS
Calote em venda de fazenda teria motivado atentado a prefeito