Menu
Busca Sexta, 24 de Novembro de 2017
(67) 9860-3221

Bancários de Dourados terão devolução de Imposto Sindical

02 Dezembro 2003 - 16h23

Pelo sétimo ano consecutivo os bancários da base sindical do Sindicato dos Bancários de Dourados vão ter de volta o imposto compulsório do imposto sindical. A contribuição sindical com a denominação de imposto criada por um Decreto-lei que regulamentou o ARTIGO 138, da Constituição Federal de 1937 é uma obrigação legal prevista na CLT - Consolidação das Leis Trabalhistas, em seu capitulo III, Arts. 578 a 610. com redação pelo Decreto-lei nº 27, de 14 de novembro de 1966 e correspondente a um dia de salário por ano de cada trabalhador formal do País.Essa contribuição, entretanto, não afeta os trabalhadores bancários de Dourados, desde que o mesmo esteja sindicalizado, é o que informa o diretor financeiro do Sindicato dos Bancários de Dourados e região, Walter Ogima.Segundo Ogima, desde 1996 o Sindicato dos Bancários de Dourados adotou essa política de devolução por entender que essa contribuição além de ser obrigatória, ainda tira a liberdade do trabalhador que contribui com sua entidade e as vezes não tem o retorno que precisa em suas lutas. Com o imposto sindical muitos sindicatos se acomodam o que faz com que poucas pessoas se sindicalizem. Na nossa base sindical mais de 90% dos bancários são sindicalizados. Os não sindicalizados acabam sendo prejudicados, pois, além de ficar fora das ações do sindicato, ainda não tem alguns benefícios como por exemplo à devolução desse imposto do qual, 60% é repassado ao sindicato da categoria, 15% segue para a respectiva federação, 5% fica para a confederação e o restante é destinado ao Ministério do Trabalho.Com a devolução a direção do sindicato acredita que, esse gesto contribui para o fortalecimento da liberdade e da autonomia sindicais e defende que a auto-sustentação da entidade deve passar fundamentalmente pelas mensalidades dos associadosPelos dados do Ministério do Trabalho, no ano passado foram arrecadados R$ 600 milhões de imposto sindical no setor urbano. Este imposto, no entanto, não é a única fonte de sustentação.A devolução começa a ser feita nesta quarta-feira nas agências bancárias de Dourados e Região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUU!!!
Dani Suzuki curte surf trip entre amigas e mostra corpo escultural
GUERRA AO AEDES
Governador destaca queda de 92% nos casos de dengue, mas ainda alerta sobre o combate
POLÍTICA
Rosalin vê frustração, mas não desmerece auxílio financeiro pela metade
TV CULTURA
Fórum quer “comercializar“ mais de 120 mil horas do acervo das Emissoras Públicas Brasileiras
MS
IFMS propõe oferta de cursos a distância a prefeitos
CONSUMIDOR
Comissão aprova obrigatoriedade de carro reserva em caso de demora no conserto
CAMPO GRANDE
Júri de acusado de matar segurança será realizado amanhã com transmissão simultânea
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, de olho em reforma da Previdência
Dólar fecha em queda, de olho em reforma da Previdência
BRASIL
Cinemas comerciais devem garantir acessibilidade até novembro de 2018
OPORTUNIDADE
TCE abre inscrições para curso direcionado aos profissionais do SUS

Mais Lidas

DOURADOS
Ação termina com 6 presos e R$ 3,5 milhões apreendidos
DNA
PF faz ação contra o tráfico em Dourados e cidade vizinha
TRÁFICO
Douradense é preso com mais de 150kg de pasta base no RS
DOURADOS
Servidores bloqueiam Guaicurus em protesto por melhor educação pública