Menu
Busca quarta, 18 de julho de 2018
(67) 9860-3221
PROJETO APROVADO

Assembleia autoriza Estado celebrar termos aditivos com União

05 outubro 2017 - 15h20Por Da Redação

Os deputados estaduais aprovaram nesta quinta-feira (5), em primeira discussão, o Projeto de Lei (PL) 215/2017, do Poder Executivo, que autoriza o Governo do Estado a celebrar termos aditivos aos contratos firmados com a União com base na Lei Federal 9.496, de 11 de setembro de 1997, e na Medida Provisória 2.192-70, de 24 de agosto de 2001, para adoção das condições estabelecidas pela Lei Complementar Federal 148, de 25 de novembro de 2014, e pela Lei Complementar 156, de 28 de dezembro de 2016.

Na prática, a proposta autoriza o Estado "a adotar o prazo adicional de até 240 meses para o pagamento de dívidas refinanciadas, usufruir da redução extraordinária da prestação mensal das dívidas, concedida pela União, pagar as parcelas de dívida vencidas e não pagas, em decorrência de mandados de segurança, em até 24 prestações mensais e consecutivas, vencendo-se a primeira em julho de 2018, bem como promover as modificações no Programa de Reestruturação e Ajuste Fiscal (PAF)". Um dos requisitos exigidos para a formalização dos termos aditivos junto à União é a publicação de lei autorizativa. O PL ainda deverá ser aprovado em segunda discussão.  

Também em primeira, o PL 201/2017, de Lidio Lopes (PEN), dispõe sobre a formação de preços ao consumidor de combustíveis no Estado. Em segunda discussão, foram aprovados o PL 74/2017 e o PL 169/2017. A primeira proposta, de Mara Caseiro (PSDB), cria o Programa de Prevenção e Combate ao Jogo da Morte - Baleia Azul. Já a segunda matéria, de Professor Rinaldo (PSDB), cria o Dia do Voluntário no Corpo de Bombeiros Militar, a ser celebrado anualmente em 21 de setembro.

Durante a última sessão plenária da semana, os deputados aprovaram ainda, em discussão única, o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 11/2017, do deputado Amarildo Cruz (PT), que dispõe sobre o processo inaugural de tombamento para o Grupo de Catira da Família Malaquias da Comunidade Quilombola de Santa Tereza, no município de Figueirão. Também foram aprovados 16 projetos de resolução, que concedem Títulos de Cidadão Sul-mato-grossense e Comendas do Mérito Legislativo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AUTORIZAÇÃO RESTRITA
STF autoriza Cristiane Brasil a participar de reunião do PTB
TAILÂNDIA
"Javalis Selvagens" contam aventura dos 12 dias em caverna
SEM PLANO "B"
CBF aguarda resposta de Tite até o fim de semana
ESTATÍSTICA
Brasil teve mais de 21 mil assassinatos de janeiro a maio de 2018
BONITO
PMA autua fazendeiro em R$ 47 mil por desmatamento ilegal de cinco áreas de vegetação nativa
FICÇÃO/REALIDADE
Crime de Suzane Von Richthofen vai virar filme
SEGURANÇA PÚBLICA
Agepen regulamenta realização de escoltas por agentes penitenciários
MINISTÉRIO PÚBLICO
Recomendação estabelece parâmetros para avaliação de membros do MPE
FUTEBOL AMADOR
Interdistrital prossegue domingo com clássico em Vila Vargas
BENEFÍCIO
Pagamento da primeira parcela do 13º de aposentados começa em agosto

Mais Lidas

DUPLO HOMICÍDIO
Duas pessoas são assassinadas em Dourados
DOURADOS
Dupla em Corsa branco teria executado homens em Sitioca
DUPLO HOMICÍDIO
Polícia identifica uma das vítimas de assassinato em Dourados
DOURADOS
Acusado de matar mecânico confessa assassinato de homem no Flórida