Menu
Busca segunda, 27 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
LOTE URBANIZADO

Agência suspende licitação para construir 190 bases habitacionais em Dourados

10 dezembro 2019 - 10h26Por André Bento

A Agehab (Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul) suspendeu a licitação agendada para 9h de quarta-feira (11), quando pretendia contratar empresa para construir as bases de 190 unidades habitacionais em Dourados. Publicado na edição desta terça-feira (10) do Diário Oficial do Estado, o aviso de da tomada de preços nº 06/2019, processo nº: 57/500.202/2018, é assinada pelo presidente da Comissão Permanente de Licitação, Nivaldo Belamoglie.

Ele justifica que “depois de efetuados os devidos ajustes na planilha orçamentária, que é parte integrante deste processo licitatório, será republicado o aviso com a nova data para sessão pública de abertura dos envelopes”.

Nesse procedimento licitatório, a Agehab visa contratar empresa para execução das obras de construção de 190 bases do Projeto Lote Urbanizado em Dourados. São exigidos 42,56 m², com capacidade para edificação de uma casa de dois quartos, sala, cozinha e banheiro.

Já a construção do imóvel, de acordo com o projeto, é de responsabilidade da família com assistência técnica do município.

No Loteamento Cidadania 8, localizado na quadra 30 do Residencial Harrisson de Figueiredo, devem ser construídas 21 unidades. Outras 45 estão previstas para o Loteamento Cidadania 7, na quadra 7 do Jardim Ibirapuera. E nos Loteamentos Cidadania 05 e 06, no Residencial Esplanada, estão previstas mais 124 unidades nas quadras 62 e 75.

Segundo o Governo de Mato Grosso do Sul, o Projeto Lote Urbanizado foi implantado em 2016, inicialmente em 18 municípios parceiros. Até setembro, haviam sido concluídas 12 casas em Bataguassu, 7 em Bela Vista, 6 em Antônio João, 9 em Nova Andradina, 5 em Jaraguari, 5 em Água Clara, 22 em Itaquiraí, 12 em Amambai, 12 em Coronel Sapucaia, 13 em Japorã (cidade e aldeia), além de 7 em Jacareí (distrito), 33 em Costa Rica, 9 em Chapadão do Sul, 20 em Cassilândia, 18 em Inocência, e 11 em Rio Verde de Mato Grosso.

“A construção de cada casa é feita em duas etapas. Na primeira, a Agehab edifica a base de 42,56m², executada para comportar dois quartos, sala/cozinha e banheiro. A segunda etapa é o complemento da construção: a família selecionada tem que comprovar a compra do material e a mão de obra (pessoa que receberá assistência técnica e será acompanhada na autoconstrução). O prazo para a conclusão da segunda etapa é de 24 meses contados a partir da assinatura de autorização para execução da obra”, detalha a Agehab em seu site institucional.

Deixe seu Comentário

Leia Também

QUARTA VÍTIMA
Idoso morre em Três Lagoas com suspeita de dengue
CALOUROS
Universidades públicas coíbem trotes em recepção de novos alunos
REGIÃO
Cão farejador ajuda polícia a apreender mais de 500kg de maconha
DOURADOS
Foragidos da justiça são capturados durante o final de semana
ECONOMIA
Gastos de brasileiros no exterior caem 5,4% em 2019, diz BC
CHUVA
Governo mineiro declara situação de emergência em 101 cidades
ESPORTE
Equipe sul-mato-grossense traz medalhas do 70º Intercolonial Brasileiro de Tênis de Mesa
HOLOCAUSTO
Descoberta de Auschwitz faz 75 anos
MS
Traficante capota caminhonete com 880 quilos de maconha
DOURADOS
Ação do Iman vai alertar população de mais de 50 bairros sobre a dengue

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista bate em caminhão da coleta de lixo e fica em estado gravíssimo
MS
Homem é acusado de colocar sedativo no leite para abusar de enteada
DOURADOS
Designação para escolas e Ceim’s acontece neste sábado
DOURADOS
Carros com som alto e na contramão levam Guarda a dois motoristas bêbados