Menu
Busca sexta, 18 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Aced e Sindicom divergem sobre abertura de comércio nos jogos do Brasil

14 junho 2018 - 16h20Por Da redação

A Copa do Mundo teve início nesta quinta-feira (14) e o primeiro jogo do Brasil já ocorrerá no domingo (17) e em Dourados, as definições quanto a abertura do comércio nos dias de jogo da seleção divergem. Entidades divulgaram notas oficiais sobre o assunto na tarde desta quinta-feira (14), mas tratam o fato de formas contrárias.

A Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados) orienta que os comerciantes que a abertura durante os jogos do Brasil na 1 .ª fase seja facultativa, ou seja, fica a critério de cada empresário escolher a forma que melhor se adequa às atividades da empresa.

Já o Sindicom (Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista de Dourados), divulgou em nota, que o os lojistas devem abrir os estabelecimentos em horários diferenciados. O Sindicato divulga programação com horário, sendo que a mesma levou em consideração ainda a realização da 41ª Festa Junina, na Praça Antonio João, de 22 a 24 de junho.

Diante disso, foi divulgada a seguinte programação para os comerciantes: Dia 17 de junho (domingo) – Comércio não abrirá • Dia 22 de junho (sexta-feira) – horário do jogo Brasil x Costa Rica: 8h, comércio abrirá das 12h00 às 20h00, ficou acordado o horário estendido até às 20h00 devido a festividade (Festa Junina) que haverá na Praça Antônio João, promovido pela Prefeitura Municipal de Dourados. A população poderá aproveitar para fazer suas compras e também prestigiar as atividades que irão acontecer na praça; Dia 27 de junho (quarta-feira) – horário do jogo Brasil x Sérvia: 14h Comércio abrirá das 08h00 às 13h30.

O Sindicom cita que as tratativas quanto a essa ‘agenda’ foram abordadas com os comerciantes em reunião no dia  28 de maio, com a classe patronal e pontua ainda que “é a única entidade que pode definir na cidade de Dourados o que abre o que fecha, horas e datas, pois, perante a lei (Ministério do Trabalho) tem legitimidade para defender a classe”.

Mesmo “pré-determinando” os horários da primeira fase, o Sindicom acaba por deixar abertura para que os lojistas atuem como considerem correto, já que finaliza a nota com o apontamento de que “a decisão sobre manter o atendimento no horário dos jogos, cabe a cada estabelecimento comercial”.

Já a Aced, defende o “torcer em conjunto como forma de integração entre os colaboradores e gestores das empresas”.

No término da nota, cita “a associação comunica que optou por manter seu atendimento ao público com portas abertas. Mas, deixará um espaço disponível em suas dependências para que os colaboradores e mais pessoas que se sentirem à vontade, assistam juntos às partidas num momento de integração”. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROVAS
Enem 2018: entre 4,1 milhões, apenas 55 redações tiveram nota máxima
NOVA ANDRADINA
Adolescentes pedem pizza, pagam com notas falsas e acabam presos
DOURADOS
Prejuízo ao narcotráfico chega a R$ 28 mi, aponta balanço
SAÚDE MENTAL
Depressão: precisamos falar sobre
VIAGEM
Praia do Rosa tem como 'charme' a bela natureza preservada
DOURADOS
Polícia não encontra e João Fava Neto é considerado foragido da Justiça
SÓ NO TRUQUE
Como ficar mais alta mesmo sem usar salto
ESPORTE
Game pantaneiro de beach tennis promete movimentar as areias do Belmar Fidalgo no fim de semana
HUMMMM!
Salada de Arroz com berinjela
ARQUITETURA
Reforma elimina paredes e garante vista panorâmica

Mais Lidas

VINGANÇA
Após execução, fronteira entra em alerta para “guerra sangrenta” por domínio do tráfico
FRONTEIRA
Ex-candidato a prefeito, tio de narcotraficante é executado em Ponta Porã
DOURADOS
Homem danifica carro por vingança em estacionamento de hipermercado e acaba preso
PARANHOS
Operação contra traficantes que abasteciam morros cariocas prende dois em MS