Menu
Busca sábado, 20 de julho de 2019
(67) 9860-3221
EDUCAÇÃO

Acadêmicos demonstram criatividade na produção de novos medicamentos

23 junho 2015 - 10h04

O estágio supervisionado no curso de Farmácia da Unigran é um momento crucial na formação do acadêmico. E um desafio é lançado para quem está no último ano da graduação: criar soluções inovadoras e criativas para problemas cotidianos enfrentados por quem precisa utilizar medicamentos.

A coordenadora do Estágio Supervisionado do curso de Farmácia, Cláudia Regina Baur Arfux explica que os acadêmicos se dividem em grupos e cada um recebe um princípio ativo. O objetivo é apresentar um medicamento inovador, com uma forma farmacêutica diferente do que já tem no mercado.

Os estudantes produzem o medicamento, desenvolvem a bula, a embalagem, a propaganda e todos os processos. “Com esta atividade, conseguimos avaliar o que foi aprendido durante todo o curso e em especial no estágio. Eles passaram seis meses só fazendo estágio em manipulação e saúde pública, então vemos o resultado do que foi aprendido pelo aluno”, afirma Cláudia Arfux.

Neste semestre foram criados medicamentos inovadores como o “Chocomeno”, que serve para menopausa em forma de chocolate diet; o “Appétit Kids”, uma goma que vai estimular o apetite das crianças, um antibiótico para inalação; o “Transamida”, gel transdérmico para impedir náuseas e vômitos; o “Ciclovir” trata a herpes utilizando um bastão anti-herpético, que normalmente são pomadas; o “Termo Shake” é um shake termogênico com uma composição diferente que vai acelerar a queima de gordura, para quem vai pra academia e repõe a energia.

Além de estimular a criatividade, a atividade propôs o trabalho em equipe. O grupo da acadêmica Marcela Ribeiro de Souza inventou o “Cookies Calm”, um biscoito com o princípio ativo de Metoclopramida com Prometazina, que são antieméticos e provedores da sonolência, que evitam náusea e promovem o sono.

“Nosso medicamento é voltado para cachorros de pequeno porte. Porque na hora do transporte tanto aéreo quanto térreo é muito difícil. A função é facilitar esse transporte, pensando no bem-estar e na saúde dos animais”, menciona Marcela de Souza. A estudante destaca que a atividade foi importante para o crescimento profissional.



Deixe seu Comentário

Leia Também

LOTERIA
Mega-Sena sorteia R$ 22 milhões neste sábado
CLIMA
Sábado começa com mínima de 13ºC e tarde pode ser de calor em Dourados
ROTA BIOCEÂNICA
Licitação para ponte ligando MS ao Paraguai será lançada hoje
DOURADOS
Conselho pede providência após furto de computador dentro de secretaria
FUTEBOL
Clássicos carioca e gaúcho abrem a 11ª rodada do Brasileirão neste sábado
NORONHA
Isis Valverde relembra foto de biquíni em cenário paradisíaco
FATALIDADE
Vítimas de grave acidente em Bataguassu serão veladas neste sábado
JUSTIÇA
Direitos da criança e do índio são preservados em adoções por indígenas
CAPITAL
Polícia pede prisão de comerciante suspeito de matar o próprio tio
LEGISLAÇÃO
Detran esclarece Lei que permite transferência de multas e pontos na CNH

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é baleado com quatro tiros no Estrela Verá
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
INVESTIGAÇÕES
Preso no RJ, suspeito de planejar morte de “chefão da fronteira” é acusado de lavagem de dinheiro em MS
FRONTEIRA
Pistoleiro preso acusado de matar fazendeiro é membro do Comando Vermelho