Menu
Busca quarta, 23 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
NA LATA!

União libera dinheiro para obras em local que virou secretaria

22 setembro 2017 - 06h13

Rurais - Três produtores rurais citados em denúncias envolvendo a emissão de notas frias à JBS serão convocados pela CPI que apura irregularidades fiscais entre governo e a empresa em MS, para apresentar documentação referente ao fato. Na quarta, o secretário estadual de Fazenda, Márcio Monteiro, participou da oitiva e também foi inquirido sobre acusação do mesmo tipo, como pessoa física.

Fatiado - O Ministério do Turismo liberou mais R$ 40 mil como parte dos recursos de R$ 1,2 milhão destinado para quarta etapa da construção do já obsoleto Centro de Convenções de Dourados. O local serve atualmente como sede da Secretária de Desenvolvimento Econômico e Sustentável.

Coligações - A partir de 2020 partidos não poderão mais se coligar, conforme proposta aprovada na Câmara dos Deputados na madrugada de quinta-feira. Com isso, será mantido o sistema atual na escolha de deputados federais e estaduais nas eleições do ano que vem, ou seja, eleitos proporcionalmente.

Ideológica - Nas próximas eleições municipais, quando começa a vigorar a medida, no lugar das coligações, apenas os partidos com afinidades ideológicas poderão se unir, porém, em federações. Resta saber, hoje, quem pode ser considerado "água e óleo" para não se misturar.

Cabidão - Ao menos a proposta aprovada tem tudo para acabar com o troca-troca envolvendo promessas de cargos por apoio político durante o período eleitoral. É o que se espera.

Demitido - Wallas Milfont, ex-prefeito de Itaporã, foi demitido do MPE (Ministério Público Estadual) onde ocupava cargo na área administrativa do órgão. Em 2015 ele acabou alvo do Gaeco na chamada Operação Layout, quando administrava a cidade vizinha a Dourados.

Pena - Wallas foi penalizado por "incontinência pública (comportamento que não se ajusta aos limites da decência) ou escandalosa; e receber ou solicitar propinas, comissões ou vantagens de qualquer espécie, ainda que fora de suas funções, mas em razão delas".

Trânsito - O trânsito violento que resultou na morte de duas pessoas entre quarta e quinta-feira em Dourados contrasta com as inúmeras campanhas realizadas pelo poder público nesta semana de conscientização. Infelizmente a imprudência ainda tem abreviado a vida de muita gente.

Pedintes - O fato não é novidade, mas a quantidade de pedintes em pontos estratégicos do Centro de Dourados tem aumentado assustadoramente nos últimos meses.

Seleção - Pensando nas eleições de 2018 o partido NOVO abriu processo seletivo para escolher candidatos aos cargos de deputado federal e senado em Mato Grosso do Sul e outros 18 Estados. As inscrições começaram no dia 15 de setembro e vão até 22 de outubro.

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Comparsa de homicídio de adolescente é condenado a 8 anos
BALANÇO
TRE/MS realiza audiência para tratar da biometria em Terenos
CESSÃO ONEROSA
Congresso aprova projeto que garante R$ 34,6 bi à Petrobras
CAPITAL
Falso repórter engana treinador de futebol com entrevista e clona WhatsApp
UEMS
Mestrado em Ensino em Saúde prorroga período de inscrições
NOVA ALVORADA
Homem esfaqueou pastor porque ele ‘fomentava’ separação, diz polícia
REFORMA APROVADA
Ponto a ponto: saiba o que vai mudar nas aposentadorias
TRÊS LAGOAS
Homem atira para matar ex-mulher e acaba baleando dono de restaurante
MÚSICA
Livro sugere que Raul Seixas entregou Paulo Coelho à ditadura
MEIO AMBIENTE
PMA usa satélite e drone para autuar infrator por desmatamento

Mais Lidas

HAYEL BON FAKER
Homens são presos fazendo sexo em via pública em Dourados
DOURADOS
Três são presos após ‘batida’ em ‘boca de fumo’ no Jardim Pantanal
DOURADOS
“Se não pagar vocês não vão dormir, não vão ter paz”, ameaçou professora indígena presa por extorsão
TRÁFICO
Economista e corretor são presos com mais de 30kg de cocaína