Menu
Busca terça, 18 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Volta de ‘afastados’ deve salvar Júnior Rodrigues de cassação

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

19 agosto 2019 - 00h04

Manutenção – Prestes a receber novos voos e, consequentemente ter um aumento significativo de passageiros, o Aeroporto Francisco de Matos Pereira, em Dourados, entrou na mira do Ministério Público Estadual pela falta de materiais essenciais básicos aos usuários, como papel higiênico e papel toalha, por exemplo. 

Procedimento – No procedimento preparatório instaurado, o promotor de Justiça Etéocles Brito Mendonça Dias Júnior, da 10ª Promotoria de Dourados, aponta que no local são cobrados R$ 25 de taxa de embarque, porém, os serviços básicos não são oferecidos. O promotor ainda pede resposta da Secretaria Municipal de Administração sobre licitação para aquisição de materiais de limpeza para atender a demanda existente. 

Força – A nova ‘dança das cadeiras’ na Câmara de Vereadores de Dourados trará à prefeita Délia Razuk (sem partido), ao menos a princípio, a maioria dos parlamentares da Casa e, consequentemente, maior facilidade para governar. 

Livramento – Com os retornos de Braz Melo (PSC), Cirilo Ramão (MDB) e Pedro Pepa (DEM), quem também deve estar sorrindo de ‘orelha a orelha’ é o vereador Junior Rodrigues (PL). Alvo de processante, na teoria, terá apoio dos colegas que fazem parte da base aliada para se salvar de uma possível cassação. 

Saúde – Mais um capítulo no drama que virou a saúde pública em Dourados é evidenciado, agora um procedimento preparatório foi instaurado para apurar a morte de um paciente no dia 21 de julho, motivado, a princípio, pela falta de médico no Hospital da Vida. 

Filiação – O senador Delcídio do Amaral deve mesmo disputar as eleições do ano que vem e, para isso, aceitou convite do PTB para se colocar à disposição ao pleito, conforme já vislumbrava ao entrar na corrida pelo Senado no ano passado. Resta saber se concorrerá na Capital ou em Corumbá, cidade onde nasceu. 

Atrito – Disposto a entrar na corrida pelo executivo em 2020, o PSL em Dourados terá imbróglio para resolver até a definição do nome a ser lançado. Pré-candidato assumido sob as bênçãos da presidente estadual da legenda, senadora Soraya Thronicke, o produtor rural Aristeu Carbonaro não vê em Rodolfo Nogueira, espaço para entrar na disputa interna pela vaga. 

Ausente – Em meio a ‘febre’ que resultou na eleição do presidente Jair Bolsonaro (PSL), Rodolfo, que se apresenta como da ‘cozinha’ do atual mandatário nacional, chegou a se colocar como pré-candidato pelo município. Porém, os recentes atritos com a senadora Soraya, a qual é primeiro suplente, causaram desgaste entre as partes. Ele também não compareceu ao ato de filiação do partido realizado no sábado, em Dourados.  

Racha – Mesmo evidenciado, a senadora negou racha dentro do PSL local e estadual, porém, durante coletiva na manhã de sábado, em Dourados, destacou apenas o nome dela, do deputado estadual Renan Contar e do federal Loester Trutis, entre as lideranças da legenda com mandato. Em seguida, aproveitou para ‘cutucar’ Luiz Ovando [deputado federal] e sequer citou o nome de Coronel Davi, deputado estadual. 

Converseiro – Viatura caracterizada da Polícia Federal escoltando a senadora Soraya Thronicke estacionada em frente a Câmara de Dourados, chamou a atenção de populares que abordaram repórter do Dourados News questionando se havia alguma operação em andamento no local. 

*Colaborou André Bento

Deixe seu Comentário

Leia Também

Antes de motim, MP abriu procedimento para acompanhar políticas públicas na Unei
Deputado “lança” colega à prefeitura em evento com ministra
Após tweet publicitado, Moro é cobrado por violência na fronteira
Manutenção de voto evidencia saída de Alan Guedes do DEM
Vereadores investigados por corrupção devem se salvar mais uma vez

Mais Lidas

DOURADOS
Ferido com tiro no peito, entregador chega pilotando moto na UPA
DOURADOS
Líderes de motim que causou estragos na Unei são levados à delegacia
DOURADOS
VÍDEO: Internos 'batem grade' e queimam colchões em princípio de rebelião na Unei
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros