Menu
Busca quarta, 17 de outubro de 2018
(67) 9860-3221
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Você é hipertenso? Saiba como ter uma alimentação mais saudável

E-mail: contatonutrifernanda@gmail.com

14 maio 2018 - 00h02
A hipertensão é um dos problemas de saúde pública mais frequentes que encontramos nos países desenvolvidos. Quando não tratada leva ao desenvolvimento de muitas doenças crônico-degenerativas, como a insuficiência cardíaca, a falência renal e a doença vascular periférica por exemplo. É conhecida como uma doença silenciosa, pois as pessoas hipertensas podem apresentar-se assintomáticas durante anos e só assim sofrer um infarto fatal.
 
Muitos não sabem, mas os brasileiros comem em média o dobro da quantidade de sal recomendada (5g de sal ou 2g de sódio por dia). Há diferenças entre as regiões do país, mas o brasileiro consome cerca de 11 gramas de sal por dia. Muitos exageram na quantidade de sal e diz que é para realçar o sabor, mas o excesso de sal pode fazer mal à saúde. Além de evitar o uso do saleiro à mesa, o ideal é reduzir o consumo já no preparo dos alimentos.
 
Para os hipertensos, uma das medidas para diminuir a pressão é reduzir o consumo de sódio da alimentação. A pressão alta muitas vezes é vinculada ao sal, mas na verdade o sódio é o responsável. Geralmente as pessoas acham que o sal é um item a ser controlado e o sódio é um outro item, mas eles devem ser controlados em conjunto, fazendo a conta de equivalência, onde 5g de sal são iguais a 2g de sódio.
 
Vamos às dicas?
 
Não use o saleiro à mesa. Use sal marinho com moderação.
 
Cuidar os seguintes componentes dos alimentos industrializados (ler os rótulos): glutamato monossódico, fosfato monossódico, alginato de sódio, benzoato de sódio, propionato de sódio, bicarbonato de sódio.
 
Primeiro tempere a comida com os temperos naturais (alecrim, orégano, manjericão, manjerona, páprica, curry, cúrcuma, sálvia, louro, chimi churry, etc) para então colocar uma pitada de sal e experimentar o sabor. Lembre-se que pode ser necessário um período de adaptação do paladar. Não mais que 20 dias.
 
Ao comprar mix de temperos naturais não deixe de conferir o rótulo do produto: várias vezes você encontrará adição de sal e inclusive de glutamato monossódico. Esses não compre, tem sódio!
 
Muitas pessoas utilizam os caldos industrializados por puro desconhecimento ou insegurança (até mesmo preguiça) sobre como usar temperos naturais. Comece pelos desidratados se não estás disposto a cultivar temperos frescos. Use a intuição e a criatividade combinando sempre no máximo 3 ervas.
 
Evite o consumo de alimentos ricos em sal como carnes processadas (presunto, bacon, paio, linguiça, salame), queijo parmesão, temperos prontos (arisco, sazón, caldo e extrato de carne e galinha), ketchup, mostarda, maionese, patês industrializados, salgados fritos (coxinha, pastel), sopas de pacote e molhos prontos para salada.
 
Por fim, saiba que a pessoa que está acima do peso e não tem uma alimentação saudável ingere muito sal, não pratica atividades físicas e consome bebida alcoólica em excesso é considerada por cardiologistas uma bomba relógio para a hipertensão arterial. As graves consequências da pressão alta podem ser evitadas, desde que os hipertensos conheçam sua condição e mantenham-se em tratamento com adequado controle.
Com todos esses cuidados, a pressão arterial tem grande probabilidade de se manter estável e a pessoa hipertensa ter uma vida normal.
 
Especialização em Nutrição Esportiva, Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia - CRN3 27940. Escreve para o Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nutrição e o Câncer de Mama
Como alimentação saudável pode combater o cansaço?
Peito de peru e bolacha integral: vilões ou mocinhos?
Como anda a saúde do seu coração?
O nutritivo gérmen de trigo

Mais Lidas

DOIS DIAS DEPOIS
Servidora pública é encontrada nos fundos de residência que estava para alugar
DOURADOS
Cinco anos após crime, acusados pela morte de vendedor douradense vão a júri popular
DOURADOS
Familiares continuam na busca por mulher desaparecida e criticam falsos alertas
FLAGRANTE
Polícia fecha “distribuidora” de drogas em Dourados