Menu
Busca segunda, 16 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Vereadora quer 'meio a meio' entre homens e mulheres no serviço público

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

31 maio 2019 - 00h03

Nomeações – Uma semana antes de anunciar corte de R$ 31 milhões no orçamento do município, apontando para uma série de medidas a serem tomadas principalmente com comissionados, a prefeita Délia Razuk (PR) nomeou, para diversos cargos, dezenas de pessoas, segundo o Diário Oficial do Município de 22 de maio.

Concorrência – A chegada da Gol a Dourados deve acirrar a concorrência com a Azul, barateando os valores da passagem a partir do município, impedindo assim que empresários e populares tenham que procurar o Aeroporto Internacional de Campo Grande para fazer o deslocamento a outras cidades brasileiras. 

Horários – Apesar da expectativa de barateamento, o horário inicial previsto para a frequência diária entre Dourados e São Paulo (SP) pela Gol não deve agradar, já que praticamente ‘forçará’ o usuário a pernoitar no local de destino. No site da companhia o voo chega e sai no município entre o meio e final da tarde. 

Reforma – Enquanto a tão falada, mas lenta reforma não sai, também será preciso uma intervenção urgente no terminal de embarque e desembarque do Aeroporto Francisco de Matos Pereira, para melhoras, já que o movimento começará a crescer no local, principalmente no final da tarde com voo que chega de Campinas (SP) por parte da Azul. 

Igualdade – Projeto proposto pela vereadora Marinisa Mizoguchi (PSB) quer estabelecer percentual mínimo de 50% dos cargos comissionados e de confiança ocupados no Município de Dourados, por pessoas do sexo feminino. 

Retomada – O vereador afastado Cirilo Ramão (MDB) já tenta retomar o seu mandato após ser ‘absolvido’ do pedido de cassação de mandato por seis parlamentares na Câmara de Dourados. Porém, apesar de provocar o STJ (Superior Tribunal de Justiça), ele ainda continua afastado. 

Polarização – Tomando por base os recentes protestos ‘pró’ e ‘contra’ o governo federal, fica evidente não só a polarização de simpatizantes de direita e esquerda pelos seus ideais e políticos, mas também uma disputa entre as partes para tentar mostrar quem consegue levar às ruas o maior número de pessoas. 

Liberdade – Ao vivermos em um estado democrático, opiniões e posicionamentos diferentes devem ser respeitados. Porém, o que se enxerga atualmente é uma avalanche de xingamentos e atos de intolerância de quem se opõe ao seu modo de pensar a política abrindo, cada vez mais, brechas para possíveis confrontos extremos no futuro. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Aos poucos, estratégias são montadas visando 2020 e 22
Dois meses após pedir demissão, secretário continua no cargo
Partido cobra R$ 350 em seleção para filiados que pretendem disputar eleição em 2020
Deputado promete bomba, entrega “traque” e expõe empresário nomeado em seu gabinete
Greve geral volta a assombrar prefeitura de Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Carro roleta Marcelino, bate em moto e deixa jovem ferida
TRAGÉDIA
Homem morre e três ficam em estado grave em acidente na MS-429
MS
Motorista morre após bater carro em árvore em rodovia
POLÍCIA
Adolescente capota carro com droga na BR-463